Se Arrependimento Matasse – Alma Cervantes

0
611

O livro inicia com a viagem de reencontro dos amigos Alex, Alice e Rebeca, eles eram amigos, mas passaram um tempo sem se ver e decidem fazer essa tal viagem e passar um tempo no hotel dos pais de Alex, Vera e Charles.

Depois de uma viagem cansativa, eles chegam ao hotel, estabilizam-se e vão para a recepção colocar o papo em dia, lá eles vêem e revêem pessoas estranhas. Na hora do jantar eles conversam um pouco com os hóspedes e funcionários do hotel, jogam uma partida de baralho, sobem para o quarto, ocorre um apagão, ouvem batidas desesperadas na porta do quarto, descem e descobrem: Vitor, o cozinheiro foi brutalmente assassinado.

A partir dai o terror se espalha pelo hotel e ninguém pode confiar mais em ninguém. O assassino pode estar ao lado a qualquer instante.

Frederica, a hóspede mais esperta e uma das mais estranhas do hotel, dá uma de detetive e começa a interrogar todos os outros hóspedes, deixando todos contra a parede.

O livro me intrigou do começo ao fim, foi um suspense indescritível, li o livro em uma sentada só, fiquei muito afoito para descobrir que era o tal do assassino. Uma coisa que eu achei bem interessante foi o fato de o personagem Alice, ser um homem, acho que é porque o nome do escritor também seja confundido com uma mulher.

 Então, a leitura do livro é bem carismática, a escrita do autor é bem desenvolvida, tornando assim a leitura agradável. A personagem Frederica me cativou. O seu autoritarismo e a sua confiança deixam tudo mais leve e menos desesperador.

Confesso que não desconfiei do assassino, afinal dentro daquele hotel, todos têm uma ação suspeita. Tenho certo amor pelos elementos naturais, e não pude deixar de destacar o fato de o tempo não colaborar nem um pouco a favor daquelas pessoas, deixando-os presos ao hotel, com risco ameaçador de morte.

 “Aquilo já não poderia mais ser chamado de chuva. Era uma entidade; um ser que decidiu unir-se a névoa e conspirar com onipotência contra aqueles ridículos e pífios seres ali reunidos.”

 Espero que tenham gostado da resenha.

 Isaac Zedecc

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here