Redenção – Jaimie Roberts (Deviant # 2)

4
2300

O que se esperar da continuação de um livro que lhe agradou bastante? No mínimo que ele siga o mesmo padrão do anterior. Quando isso não acontece pode bater uma frustração daquelas.

“Redenção” é a parte final da historia de Tyler e Dean, iniciada em “Depravado”, livros escritos pela inglesa Jaimie Roberts. Esse segundo volume possui menor quantidade de páginas (346), mas sua diagramação continua impecável.  A Editora Bezz publicou-o no ano de 2016.

No livro anterior, depois de descobrir tudo o que Dean planejou, as acusações contra a sua família e as demais coisas que era capaz de fazer, Tyler com a ajuda de seus pais decidiu fugir. Mais que isso. Simulou sua própria morte e trocou de identidade, para que não houvesse a menor possibilidade de ser encontrada. Sabia que Dean não acreditaria no fato e tentaria localizá-la. Além de tudo pelo que passou, ela tinha mais um motivo para querer distância: estava grávida.

Passaram-se quatro anos. Tyler agora era Jessica. Havia mudado para os Estados Unidos. Trabalhava como professora de uma classe infantil. Estava namorando com Evan, médico cardiologista e morava com seu filho, Jeremy num apartamento. Ela nunca telefonava para seus pais, que neste livro se fazem mais presentes, para que não fosse rastreada. Todavia ocorreu uma emergência: o garoto estava bem doente, com pneumonia, e ela necessitava da presença deles ao seu lado.

Dean realmente descobriu onde ela estava e embarcou, juntamente com Jimmy, uma espécie de “faz-tudo” para ele, para encontrá-la. Iria pedir o seu perdão. Estava arrependido de seus erros, de tudo o que fez e lutaria com todas as forças para recuperar seu grande amor, sua grande paixão.

A forma como Tyler recebe Dean ao reencontrá-lo não é de alguém que até então não queria vê-lo de forma alguma. Ela ainda o amava, apesar de estar num outro relacionamento. Mas é tudo muito fácil. Superficial. Sem lógica. Outros momentos que envolvem os dois ora são narrados de forma demorada, arrastada, ora são contados muito rapidamente.

Os momentos mais legais são os que contam com a presença do garoto Jeremy. Ele é um menino muito experto, atento a tudo. Logo de cara ele se encanta pelo Dean, mesmo sem saber que se trata de seu pai.

Outros personagens também possuem suas histórias aprofundadas. Além dos pais da Tyler, do Jimmy e do Evan mencionados anteriormente, Tara, que é enfermeira e vira grande amiga da Jéssica ganham destaque em alguns capítulos.

O desenvolvimento dessa continuação não desperta o mesmo interesse. Não possui a mesma intensidade da primeira narrativa. A autora parece que se perdeu. Além disso, não sei se por um erro de tradução, há algumas repetições que dá a sensação de se estar lendo tudo novamente.

Para quem esperava um fechamento de alto nível, ficou o sentimento de decepção.

signature

4 Comentários

  1. Tinha ouvido falar sobre este livro, mas me chamou atenção sua resenha, vou pesquisar sobre a obra.
    Abraços!

  2. Gostei da história, achei interessante. Talvez para quem leu o primeiro essa história seja um pouco massante, mas para quem ainda não tinha ouvido falar sobre ele, como eu, parece uma trama bem legal.

    parabéns pela resenha.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here