Os Instrumentos Mortais – Cidade dos Ossos – Cassandra Clare

3
594

Tudo começa após Clary ir se divertir numa discoteca com o seu amigo Simon. Tudo que tinha para ser uma noite normal, acaba sendo sua última noite como uma “mundana”. Depois de testemunhar um assassinato incomum, no quais os assassinos cheios de tatuagens são invisíveis para todos, exceto para ela, sua vida vira de cabeça para baixo.

Dias depois, sua mãe Jocelyn é sequestrada, ela conhece Jace Wayland (um dos assassinos), e descobre que o mundo não é somente tudo aquilo que sua mãe sempre contou e mostrou. Existe um mundo invisível, um mundo cheio de demônios, lobisomens, vampiros, fadas, enfim, seres chamados de submundo, no qual Caçadores de Sombras, Jace, Alec, Isa, e muitos outros, e que tenha a “visão”, tentam colocar em paz o mundo dos “mundanos”, ou seja, não deixa nada perturbar os humanos comuns.

Depois que Jace a leva para  instituto, um lugar sagrado, onde os caçadores de sombras moram e treinam, Clary descobre que sua mãe Jocelyn, também era uma caçadora de sombras, e por consequência, também está no sangue de Clary. Ela descobre também, que a sua mãe era uma fugitiva, pois aparentemente, havia escondido um dos instrumentos mortais: O Cálice Mortal, no qual Valentim ex caçador de sombras no qual havia traído a Clave (a autoridade máxima do mundo das sombras), estava atrás. O cálice era capaz de transformar qualquer humano em Caçador de Sombras, e o objetivo de Valentim, era criar um exército ao seu favor.

Então, Clary, junto com os seus novos amigos, vão em busca desenfreada pela o Cálice e no resgate de sua mãe Jocelyn. Além de tudo isso, Clary, Jace e Simon vivem um triângulo amoroso: Simon ama Clary desde criança, no qual ela nunca percebeu, porém ela começa a amar Jace, no entanto, por mais que Jace lute contra, ele também se vê envolvido com Clary, no qual apresentará inúmeros obstáculos para que eles ficam juntos.

A história é contada em terceira pessoa, o que achei ótimo, pois apresenta pontos de vista de cada personagem. Os personagens secundários também são perfeitos, cada um, tem um papel importante no desfecho da série.

É um livro que prende bastante a atenção, cheio de mistérios que faz você não querer desgrudar das páginas, até desvendá-los junto com os personagens. O contexto é capaz de despertar um turbilhão de emoções e sentimentos.

 Fiquei pasma pelo o desfecho da história. A autora me surpreendeu muito com o tamanho de sua ousadia, que deixa um final incrível e com o gostinho de quero mais. Isso explica porque devorei todos os livros da série (total de seis).

signature

3 Comentários

  1. Ótima resenha, eu te entendo, amo essa série, demorei pra começar, mas quando comecei não consegui largar mais.

  2. Eu sou simplesmente apaixonada por essa série, amo os livros da Cassandra. Parabéns pela resenha.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here