O Resgate das Profecias – Jeronimo Mariano

0
701

Sinopse: Durante nossa vida conhecemos muitas pessoas. A maioria, porém, acaba por nos desapontar ou se mostrar diferente do que imaginávamos no início. Então, refletimos sobre a melhor forma de viver: é preciso mesmo ter bons amigos? Será que não conseguiríamos continuar a busca por nossos anseios sozinhos, ou apenas na presença de parentes? A resposta é simples: quem sabe? É realmente extraordinário percebermos que não estamos sozinhos em momentos de dificuldades; percebermos que alguém compartilha a nossa dor, assim como nossa felicidade, e que este alguém está conectado a nós de um jeito afetuoso, sincero, sem nada exigir por isso. Mas o preço a pagar pode ser alto: frequentemente temos nossas expectativas destruídas, e nem sempre nos recuperamos bem depois disso. Afinal de contas, por que a família e os amigos seriam tão importantes? Seriam capazes de sustentar nossas esperanças? É preciso confiar neles para que, talvez, sim. Algumas dessas respostas e outras indagações estão presentes em O Resgate das Profecias, levando a uma forma diferente de enxergar a vida e as pessoas que passam por ela.


Resenha: Trata-se de um livro brasileiro de ficção, escrito por Jeronimo Mariano publicado pela Editora Novos Talentos, com uma capa muito bonita e páginas de um papel bem simples e com letras bem adequadas a uma leitura confortável. Jeronimo Mariano nos apresenta personagens cativantes e traz uma história de fácil entendimento e leitura agradável que se desenrola de forma tranquila, onde queremos facilmente chegar ao fim.

A história se passa em um colégio interno: o Clash Time, onde estudam os três protagonistas do enredo: Lourenço, um garoto que não valoriza sua a família, mas em contrapartida, considera a presença dos amigos algo de extrema importância e valor emocional. Giovanni, indiscreto e apesar de fazer pose de corajoso, corre léguas quando algo o confronta e o Victor, que é sentimental, dorminhoco e bem humorado. Como toda boa história de ficção, temos também as personagens de antítese à heroína: Victória e Jennifer, que à princípio se mostram antipáticas, mas o desenrolar da história trata de redimi-las de tal posição.

O livro tem uma dinâmica rápida, bem voltada ao público juvenil e traz aventuras do começo ao fim. O tema central é a amizade e é um livro bem escrito, com as narrativas usadas de forma coerente e que tornam a leitura prazerosa. No decorrer do livro, temos situações diferenciadas, onde a amizade é colocada em voga à todo tempo, tornando o tema bem paralelo e semelhante à vida do jovem que estuda e se envolve em grupos e amizades.

Posso dizer que gostei do livro, pois é divertido, leve e sempre bem humorado. Jerônimo conseguiu conduzir o enredo de uma forma que a ficção passe pelo drama e pela aventura de maneira natural. Trata-se de um livro voltado para um público que se identifica com essa temática. É um livro que deixa uma brecha para uma sequência e talvez, por isso a gente fique com a sensação de ficou faltando um algo a mais.

De qualquer forma, ele tem a narrativa muito direta e com foco juvenil, mas cumpre à que se destina: um público mais jovem, onde a amizade tem um apelo tão constante. No livro, este é o tema central e o alicerce da sobrevivência na adolescência, tornando-o tão interessante a este perfil. Talvez com uma prerrogativa de mostrar aos jovens leitores, situações que se encaixam em sua realidade, mesmo através da ficção e isso, para esse público, faz com se sintam dentro dessa própria realidade. Recomendo! Acho que esse público em especifico necessita de enredos dessa estirpe!

Resenha de Mhorgana Alessandra, resenhista do Arca Literária

 Deseja divulgar seu livro? Saiba como!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here