O Caminho de Abraão – Jamil Chade

0
295

E aí, pessoal.

Vamos hoje conversar sobre um livro que sinceramente não me empolgou. Comecei achando que era uma coisa, e no transcorrer da leitura fui percebendo que era outra bem diferente. Imaginei que o autor seguiria uma linha, mas ele foi por outra que achei um tanto sem sentido a maior parte do tempo. Enfim, vamos lá.

O Caminho de Abraão é um romance biográfico e histórico do conceituado jornalista brasileiro Jamil Chade. Publicação da Editora Planeta em 2018. Com 304 páginas, o livro é narrado em uma das partes em primeira pessoa e a outra em terceira. O que eu mais gostei foi da capa, um colorido muito bonito.

Temos uma mistura de nacionalidades: um escritor brasileiro escrevendo sobre uma jovem descendente de argelinos, que vive em Marselha e depois vai estudar em Paris, na França, e que depois de formada consegue trabalho numa importante empresa na Síria. É traçado um paralelo da história dessa jovem com a vida do patriarca israelita Abraão. Sem ter lido a sinopse, a princípio em pensei que se tratava da história do patriarca bíblico contada de forma romanceada.

O nome da nossa personagem é Hagar. Na narrativa bíblica, Hagar ou Agar é serva de Sara, esposa de Abraão. Como a senhora do patriarca não consegue lhe dar filhos, oferece Agar ao marido, para que através dela seja gerada uma criança. Após o nascimento do garoto (Ismael), Sara vendo que era preterida mandou embora a serva juntamente com seu filho.

A Hagar do livro da nossa resenha é uma moça esperta, inteligente. Convive num país estrangeiro e vive os dilemas de ser uma imigrante. Seus pais sempre abrem as portas da casa para receber outras pessoas que vivem próximas a eles, na região de Marselha. É uma maneira de manter alguns ritos de tradição árabe, além de se sentirem mais perto de casa.

Ao completar idade de ingressar no ensino superior, a garota vai estudar em Paris. Será um desafio grande para ela morar distante da sua família, mas é preciso. A distância não é tão grande, e ela irá aproveitar os momentos possíveis para ir vê-los.

A garota chama atenção dos professores pelo seu talento e inteligência, e próximo ao término do curso de Química, ela recebe uma proposta de um dos seus mentores: uma empresa na Síria está precisando de alguém com o perfil dela, e a moça foi indicada. Durante a entrevista, Hagar fica sabendo que, apesar das vantagens, ela terá que exercer também funções administrativas que não é o seu forte. O emprego, então, parece que foi perdido.

Ela não consegue emprego após de formada, então retorna de forma definitiva para a casa dos pais. Ela é bem recebida de volta, mas se sente incomodada. Seus pais não mediram esforços para que Hagar alcançasse sucesso nos estudos, mas que tipo de retorno prático isso teria? Sem identificar opções, a moça decide entrar em contato com a empresa novamente e como resposta recebe o aviso de que a vaga ainda está aberta. Agora mais determinada, a garota vai realizar novamente a entrevista, e além das mesmas vantagens financeiras, o seu trabalho será essencialmente na área que ela domina.

Ela decide aceitar o desafio, e viaja para a Síria. Naquela época, as coisas estavam tranquilas por lá, mas aos poucos a situação no país vai ficando grave. Com os confrontos que têm início em 2011, Hagar se vê envolvida em situações de perigo e dificuldade, e ela terá, longe de casa e da sua família, que encarar os problemas se quiser sobreviver. Terá que cumprir ordens que vão de encontro aos seus princípios, pois a guerra no país está declarada.

O livro é dividido em vários capítulos. Na parte final de cada um deles, o autor traz os fatos relacionados à vida de Abraão. Somente no nas páginas finais, a gente consegue encontrar o sentido para essa estrutura.

Em se tratando da escrita em si, o livro é bem feito. Mas o enredo em si não me pareceu agradável. Em momento algum me senti empolgado. Tanto que levei quase dois meses para concluir a leitura.

Possa até ser que eu permita fazer outra leitura, futuramente, quem sabe, e tenha opinião diferente.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here