Mexendo com o Projeto Blue Beam…

1
1054

Terça feira, 08/09/2015, cerca de 02:30h, um estrondo me assusta… Estranhei não ter visto clarão antes do estrondo que imaginei ser o de um trovão… Só que o ruído durou pelo menos quinze segundos e só então apareceu um clarão no céu!

Minha esposa, ao meu lado, estava assombrada e trêmula!

Parecia que a montanha estava caindo ou que uma coisa muito grande estava rolando sobre o asfalto lá na Rio/Santos…

Cheguei a pensar na possibilidade de um terremoto, mas não havia tremor! Apenas o ruído que antecedeu ao clarão…

Demorei a dormir e fiquei sobremaneira preocupado. Tive muito medo de ter sido algo como uma tromba d’água na cabeceira do Rio Carapitanga! Temi pelos que moram próximo, pois esse Rio enche e transborda fácil. Uma tromba d’água poderia ser catastrófica àquela hora e apenas dois dias após o acidente com um ônibus que vitimou fatalmente quinze pessoas ali perto…

No dia seguinte os comentários eram quase que em tom de contrição…

Ninguém sabia o que era, de fato, e a maioria creu que fosse um trovão, porém a dúvida estava no fato de que trovões são antecedidos por raios e não o contrário!

Decidi dar uma olhada rápida nos jornais da internet e vi uma Matéria no O Globo.

O mesmo estrondo ou algo muito parecido havia sido ouvido em Bairros da Zona Sul do Rio!

http://oglobo.globo.com/rio/estrondo-seguido-de-clarao-acorda-moradores-vira-misterio-na-zona-sul-17432440

Como é que um trovão seria ouvido da Divisa de Ubatuba com Paraty até a Zona Sul da cidade do Rio de Janeiro? Poderia ser outro, mas no mesmo horário e a 280 KM de distância?

Lembrei de um tal Projeto Blue Beam.

Dias antes eu havia dado uma olhada em blogs e sites que falam a respeito desse Projeto! Cheguei a ver vídeos gravados pelo mundo a fora contendo ao fundo o mesmo ruído que eu ouvi…

Eu só li acerca disso porque um amigo lá de Ilhéus me perguntou o que eu achava a respeito. Confesso que achei uma tremenda bobagem, mas depois da madrugada de ontem fiquei “encucado”…

O que está acontecendo com o planeta?

Quanto de verdade há nesse Projeto Blue Beam?

O medo que eu senti naquele momento foi terrível e o evento durou no máximo vinte segundos…

O mais estranho é que parecia que aquele ruído estava dentro da minha cabeça! Nesses dias de Inverno eu abro mão do ar condicionado, mas de um ventilador próximo ao rosto, nunca! O barulhinho suave me apraz e, embora aquele estrondo fosse algo que deveria ter abafado qualquer ruído menor, eu continuei a ouvir a hélice do ventilador girando (aqui costuma faltar energia elétrica em noites de muita chuva e por gostar de dormir com a janela aberta para ver o céu que faz-se véu sobre a montanha, pude ver que não estava chovendo e que havia energia elétrica, pois o ventilador estava ligado)…

Talvez tenha sido só um trovão rebelde que decidiu ecoar antes do raio e roncar por mais tempo que o normal…

Talvez não tenha sido nada incomum.

Mas o medo que minha esposa e eu sentimos foi muito real!

 

Ronaldo Rhusso

 

 

Um comentário

  1. Texto bastante eloquente, pra esmiuçar algo tão ainda desconhecido por muitos, é momento de alerta no meio cristão, daqueles que tanto pregaram sobre tal coisa o Blue Beam, talvez não com esse nome mas sobre algo que desde muito tempo atrás já se falava.
    É os tempos já estão chegando e os que já sabem do Trem, cuidem pra que deixem ele passar e que suas passagens já estejam compradas por que Ele vem quer queiramos ou não. E nesse momento eu só quero dizer: PAREM O MUNDO QUE EU QUERO DESCER!!!!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here