Laranja Mecânica – Anthony Burgess

0
554

Sinopse: Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, esta brilhante e perturbadora história cria uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma reposta igualmente agressiva de um governo totalitário. A estranha linguagem utilizada por Alex – soberbamente engendrada pelo autor – empresta uma dimensão quase lírica ao texto. Ao lado de “1984”, de George Orwell, e “Admirável Mundo Novo”, de Aldous Huxley, “Laranja Mecânica” é um dos ícones literários da alienação pós-industrial que caracterizou o século XX. Adaptado com maestria para o cinema em 1972 por Stanley Kubrick, é uma obra marcante: depois da sua leitura, você jamais será o mesmo.


Resenha: Mergulhar no universo de “Laranja Mecânica” é uma experiência única, pois vários sentimentos se misturam: estranhamento, raiva, pena e compaixão vão se alternando ao longo da história. É sim uma história violenta, que choca em vários momentos, mas é também uma história sobre humanidade, sobre até onde o ser humano é capaz de ir e sobre o papel que a sociedade tem sobre seu comportamento.

 Apesar de ser uma obra distópica, que se passa num futuro fictício, é inegável sua contemporaneidade, já que a sensação de que o comportamento violento dos jovens daquela sociedade é bem próximo do que vemos nos dias de hoje e nos acompanha por toda a leitura.

 A questão central levantada por Burgess é o livre arbítrio, o direito de o indivíduo escolher entre o bem e o mal. Poderia um ser humano tornar-se bom por imposição? A bondade é algo que pode ser “aprendida” através de métodos questionáveis e invasivos? A trajetória de Alex nos faz refletir entre o direito ao “eu” e o que é “melhor” para a sociedade. O final do livro responde a essa questão de uma maneira surpreendente e nos faz realmente refletir.

 Vale a pena a leitura ! E se quiser mais, assista ao filme baseado no livro !

 

Resenha de Michele Lebre, resenhista do Arca Literária

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here