Joseane Veiga

Joseane Veiga

0 306

  1. Fale-nos um pouco de você.

Sou escritora há mais de duas décadas, adoro o que faço. Sou gremista, apaixonada por futebol. Aquariana, bem resolvida, e amante de gatos e felinos em geral.

  1. O que vc fazia/faz além de escrever? De onde veio a inspiração para a escrita?

Eu escrevo desde os doze anos, então realmente não sei explicar como começou a inspiração. Ela simplesmente nasceu comigo. Além de escrever eu trabalho numa corretora.

  1. Qual a melhor coisa em escrever?

O retorno dos leitores.

  1. http://graciediet.com/ask/mr-rorion-gracieオリオン先生お元気ですか!à Você tem um cantinho especial para escrever? (envie-nos uma foto)

Não. Eu escrevo no escritório, em casa, se duvidar, até na fila do banco.

  1. http://nottsbushido.co.uk/hotstore/Hotsale-20150822-61251.html Qual seu gênero literário? Já tentou passear em outros gêneros?

Eu escrevo romances históricos. Meu gênero de leitura favorito é terror, mas infelizmente não sei fazer livros nesse estilo.

  1. Tastylia Oral Strip without prescription Fale-nos um pouco sobre seu(s) livro(s). Onde encontra inspiração para título e nomes dos personagens?

São vinte e seis obras, é muita coisa para explicar cada detalhe, mas, em geral, meus livros são tapas na cara, questionadores, quebradores do conforto. Os títulos surgem como os livros, do nada. Já os nomes, eu costumo fazer uma pesquisa sobre significado do nome, antes de colocá-lo em determinado personagem.

  1. Qual tipo de pesquisa você faz para criar o “universo” do livro?

Depende do livro. Na saga dos Reinos (que se inicia em Esmeralda), não fiz pesquisa porque criei todo o universo. Mas, no caso de Kinshi na Karada, que se passa durante a II Guerra eu estudei muito documentários e me infiltrei em grupos neonazistas na internet para entender o lado deles da história, como eles pensavam.

  1. http://skylinemediainc.com/?pokakal=opcje-binarne-kto-zarabia&4cc=80 Você se inspira em algum autor ou livros para escrever?

Não.

  1. Você já teve dificuldade em publicar algum livro? Teve algum livro que não conseguiu ser publicado?

Hoje em dia, com a publicação independente via Amazon não existe mais isso. Mas, antigamente, já teve editora que queria que eu escondesse meus livros lgbt para não manchar minha imagem no mercado.

  1. opzioni digitali siti O que você acha do novo cenário da literatura nacional?

Acho excelente. Pela primeira vez eu realmente acredito que um escritor pode viver de literatura.

  1. http://dogfriendlyrental.com/google-assist.php?z3=SWp0TWtHLnBocA== Recentemente surgiram vários pessoas lançando livros nacionais, uns são muito bons, outros nem tanto, outros são até desesperadores, o que você acha sobre este boom?

Acho que o sol nasce para todos. Muitos querem, nem todos nascem pra isso. Alguns vão ficar no caminho, outros vão perseverar. Eu não sou contra nenhum livro e nenhum estilo. Deixa viver…

  1. http://medeniyetvakfiadana.com/?baewr=opzioni-binarie-1-euro-conto-demo&37d=ad Qual sua opinião sobre os preços elevados dos livros nacionais?

Os impressos? Muito é culpa do governo e suas altas cargas tributárias. Além disso, existe o fato dos  correios não terem muito cuidado ao entregar um livro para o leitor… Enfim, hoje prefiro os ebooks, e os livros impressos são apenas para divulgação em eventos. Já tive problemas de enviar os livros e ele não chegar ou chegar amassado ao destinatário.

  1. http://drybonesinthevalley.com/?tyiuds=forexyard-affiliate Qual livro você falaria: “queria ter tido esta ideia”?

O senhor dos anéis.

  1. Se tivesse que escolher uma trilha sonora para seus livros qual seria? (nome da musica + cantor)

Muitos livros meus têm trilha sonora. Um dos mais recentes, O Vilão, foi A CANÇÃO AGALOPADA de Zé Ramalho.

  1. Já leu algum livro que tenha considerado “o livro de sua vida”?

Não li, mas escrevi. Kinshi na Karada. Três anos de trabalho, dos quais posso encher a boca para dizer que é impecável. Não existe erro histórico, estrutural, ou brechas.

  1. Você tem novos projetos em mente? Se sim, pode falar sobre eles?

Eu preciso encerrar a saga dos Reinos. O próximo livro, que é o penúltimo, se chamará O Pecador e falará da neta de Norman/Melissa (O Vilão) e Joshua/Elisabeth (Avassalador e Arrebatador)

  1. Você acompanha as críticas feitas por blogueiros nas redes sociais? O que você acha sobre isso?

Eu nunca tive problemas com críticos mais profissionais. Ao contrário. Apenas fakes, às vezes, surgem para detonar, mas a gente sabe que é resenha feita apenas para incomodar e nem me dou ao trabalho de responder.

  1. Se pudesse escolher um leitor para seu livro (escritor, alguém que admire) quem seria?

Não consigo escolher. Todos os meus personagens são pedaços de mim, sem inspiração externa.

  1. Qual a maior alegria para um escritor?

Nessa crise? Vender o suficiente para pagar as contas (risos). No geral: O carinho dos leitores, quando eles te veem nos eventos, correm abraçar. Não tem preço.

  1. Deixe uma mensagem a nossos leitores e para aqueles que estejam iniciando no mundo da escrita literária.

Leia. Leia muito. Leia clássicos. Você nunca saberá escrever de forma estruturada sem ler clássicos. Leia Herman Hesse, leia Moacyr Scliar, José de Alencar. Escreve hot? Leia O Cortiço. Leia.

Artigos similares

0 54

0 156

0 125

Nenhum comentário

Deixe um comentário