Isaque Ribeiro

7
1771

Arca Literária: Fale-nos um pouco de você.

Isaque Ribeiro: Nasci em São José dos Campos – SP, mas fui criado por minha mãe em São Sebastião – Litoral Norte de São Paulo desde os meus seis meses de idade, quando houve a separação de meus pais.

Sou casado há sete anos com Silvania Duarte, a qual gerou e deu a mim dois Lindos Filhos “Isaque Filho e Mykhael Ribeiro”, mas tenho outro Lindo Filho “Dereck Duarte”, fruto de meu primeiro casamento. Sou compositor desde 1998, mas por ser de uma família “simples” (e quando digo simples, me refiro a questões financeiras – de baixa renda) nunca tive oportunidade de divulgar meu talento como compositor e viver da música (oque para mim sempre foi um grande sonho), também amo cantar, mas nada profissional. Acho que tenho que estudar muito para me considerar um cantor. Rsrsrsrsrsrs… Atualmente moro em Navegantes – SC e trabalho como autônomo.

 Arca Literária: O que você fazia/faz além de escrever? De onde veio à inspiração para a escrita?

Isaque Ribeiro: *Antes de começar a escrever eu trabalhava como autônomo em dois serviços. Durante o dia fazia móveis sob medidas e a noite trabalhava como motoboy entregando lanches e porções.

*Sempre tive vontade de escrever, mas não digo nem que tenha sido inspiração e sim falta do que fazer. Calma que eu já vou explicar! Rsrsrsrsrsrs…

No dia 26/09/2015 chovia na cidade onde moro e ao retornar de uma entrega, um imprudente motoqueiro “tentando economizar combustível” (digo isso com sarcasmo, pois até hoje não sei o motivo da ação dele), ao invés de fazer a volta em uma rótula à sua frente, resolveu cortar a rótula pela esquerda, vindo à contramão em minha direção. Para evitar algo mais grave eu não pensei duas vezes… Freei imediatamente!

O problema é que moto e chuva não são uma das melhores duplas, aí já viu né? Fui ao chão ralando braço, perna e por fim fraturando a clavícula direita. Não me pergunte mais nada sobre o infeliz que causou o acidente, porque ele não parou para prestar socorro e acho que está fugindo até hoje.

Como tive que ficar de molho em casa sem poder fazer praticamente nada, eu passava o dia todinho na frente do notebook, quando não era no Facebook, era assistindo vídeos ou filmes.

Um dia, eu já estava entediado de sempre fazer as mesmas coisas todos os dias, eu acabei comentando com minha esposa que eu tinha vontade de escrever um livro, e ela como sempre acreditou em mim e em meus talentos, mais do que eu mesmo, me incentivou de imediato.

Então no dia 13/10/15 eu comecei a escrever o meu primeiro livro “Alpha O Início” e o terminei no dia 27/11/15, já com sede de dar sequência a Série.

Arca Literária: Qual a melhor coisa em escrever?

Isaque Ribeiro: Primeiro. É a Liberdade de Expressão e o Tempo para a Reflexão que a Escrita nos proporciona. Você simplesmente poder se Expressar do jeito que bem intender, imprimindo suas ideias, pensamentos e até mesmo sentimentos numa folha de papel, ou num programa de texto do computador, tendo a possibilidade de revelar ao “mundo” suas histórias e antes de mostra-las ao mundo, você ter a possibilidade de analisa-las e escolher a melhor forma de expressa-las. Não como um debate, que você tem que dar sua opinião de imediato e por não ter esse tempo de reflexão que a escrita nos proporciona, muitas das vezes acabamos usando as palavras de forma errada e passamos algo totalmente oposto ao que queríamos passar.

Segundo. É Ler o que você escreveu e perceber que você conseguiu passar realmente o que queria que as pessoas entendessem. Você entregar o seu Original aos seus conhecidos para uma breve análise e os ouvir te perguntando em tom de “Deboche”:

– Não foi você que escreveu esse livro não né? Você o copiou da onde?

– “Cara”, ficou muito bom! Se não soubesse que foi você que escreveu… Eu acharia que fosse um livro de um Escritor Famoso e Experiente! (Palavras de meu amigo Thiago Vagner). (Obrigado pela força mano, todo seu esforço e apoio serão Recompensados! “Tamo Juntos”!)

“Espero que ele tenha sido sincero”! Rsrsrsrsrsrs…

Isso é a melhor coisa. A Satisfação de “Dever Cumprido”!

Arca Literária: Você tem um cantinho especial para escrever? (envie-nos uma foto)

Isaque Ribeiro: Infelizmente, ainda não tenho um Cantinho Especial e por esse motivo escrevi parte do livro sentado em minha cama e parte sentado no sofá. Minha esposa e meu amigo Thiago até me questionavam de vez em quando:

– Como é que você consegue se concentrar com as crianças gritando, correndo, brigando e a TV ligada?

Eu só dava risada, afinal… Temos que nos virar do jeito que dá!

Mas ainda quero ter uma bela e espaçosa casa onde eu possa ir para o quintal com meu notebook, sentar-me em uma confortável cadeira e escrever meus livros, apreciando a beleza do mar e da natureza com meus pés descalços sentindo a areia da praia sob os meus pés.

Arca Literária: Qual seu gênero literário? Já tentou passear em outros gêneros?

Isaque Ribeiro: *Bom! Este livro tem um pouco de cada coisa… Mistério, Romance, Paixão, Fantasia, Ficção, Suspense e até um pouco de Ação, mas, contudo posso afirmar que meu Gênero Literário é uma mistura de Gênero Narrativo & Dramático.

*Ainda não tentei passear por outros gêneros, pois este é o primeiro livro que escrevi, mas já tenho uma ideia em mente para escrever uma Biografia.

Arca Literária: Fale-nos um pouco sobre seu(s) livro(s). Onde encontra inspiração para título e nomes dos personagens?

Isaque Ribeiro: * “Alpha – O Início” é o primeiro livro da série de histórias de Mistério, Ficção, Fantasia, Suspense e Romance sobre Bruxas, Lobisomens e Vampiros, o qual traz em si uma emocionante história de Amor, Inveja, Ódio, Perdas, Ganhos, Segredos, Conquistas e Suspense que irá deixar os Leitores Compenetrados do começo ao fim, com um Gostinho de Quero Mais. Como eu não sou uma “Pessoa Má”, já estou me empenhando para escrever o segundo livro da série que já está em andamento e se chamará “Alpha – O Despertar”, a fim de não deixar os Leitores na mão. A Série será composta por três livros, pois já tenho em mente sobre o que escrever no terceiro livro da Série, mas como Ficção é um Gênero Evolutivo, de ideias infindáveis, pode ser que surjam outros livros para a Série no futuro.

*A princípio o livro se chamaria “Uma Escolha, Dois Destinos”. Seria um Livro apenas de Romance, no qual os Protagonistas seriam Dimitri e Tayla, mas conforme a história foi se desenrolando surgiu a ideia de incluir Vampiros e Lobisomens na história e decidi criar a série Alpha, mudando o nome do livro para “Alpha – O Início”.

Quanto aos nomes, eu pesquisei muiiiiitooooooooo… Rsrsrsrsrs… E dei os nomes aos personagens de acordo com seus significados, assim cada personagem representa o significado de seu próprio nome dentro da história.

No final do livro eu fiz questão de mencionar os nomes de todos os personagens com seus respectivos significados para que os leitores possam entender o porquê de cada nome.

Já os sobrenomes eu busquei por sobrenomes Europeus e Tchecos, dos lugares onde ocorre a história. Com exceção aos sobrenomes “Dobreva” (Sobrenome Búlgaro), dos Personagens da Família Dobreva (Caleb, Jéssika e Lavínia), que por ser fã da “Série Diários De Um Vampiro” e da talentosa atriz “Nikolina Konstantinova Dobreva” ou “Nina Dobrev” (a Protagonista Elena Gilbert) coloquei este sobrenome no Livro, e “Irwin” (Sobrenome Australiano), do Personagem “John Irwin” (professor de Biologia) o qual fiz questão de colocar em homenagem (in-memoriam) a “Stephen Robert Irwin” (Famoso Naturalista Australiano – O Caçador de Crocodilos), que faleceu no dia 4 de setembro de 2006, tendo seu peito perfurado por um aguilhão de uma raia quando mergulhava na região nordeste da Austrália para filmar um documentário sobre animais marinhos.

Arca Literária: Qual tipo de pesquisa você faz para criar o “universo” do livro?

Isaque Ribeiro: Todas possíveis. No caso deste livro, por exemplo, eu o escrevi pensando em torna-lo em filme lá na frente, então eu pesquisei melindrosamente, nomes das ruas, endereços, distâncias de lugares, comidas típicas da Europa, esporte mais popular da Europa e até mesmo algumas músicas (músicas para as cenas), as quais são citadas em determinados momentos do livro. Enfim… Tentei fazer de tudo para ser o mais autêntico e fiel possível, a fim de facilitar a possível gravação de um… Longa metragem num futuro nem tão distante. Rsrsrsrsrs…

Arca Literária: Você se inspira em algum autor ou livros para escrever?

Isaque Ribeiro: Com certeza!

Os Fenômenos, “Stephenie Meyer” (Autora dos Best-Sellers: Crepúsculo, Lua Nova, Eclipse, Amanhecer entre outros) e “Nicholas Sparks” (Autor de Diário de Uma Paixão, Um Amor Para Recordar, Querido John entre outros), inclusive “A Última Música”, livro e filme dos quais também faço menção em meu livro “Alpha – O Início”.

Todo Escritor/Autor deseja ser lido e se tornar um Best-Seller, e para alcançar tal sucesso devemos seguir os passos de que já o alcançou com Maestria. “Stephenie Meyer & Nicholas Sparks são Excepcionalmente Extraordinários”!

Arca Literária: Você já teve dificuldade em publicar algum livro? Teve algum livro que não conseguiu ser publicado?

Isaque Ribeiro: Na verdade eu recém terminei de escrever meu primeiro livro e ao enviar meu Original para a Editora, ela demonstrou um grande interesse em publicá-lo dizendo ter reconhecido potencial Editorial em minha sua obra, e sendo assim enviou-me a seguinte Proposta: A Editora publicaria 1000 Exemplares, porém eu teria que comprometer-me a adquirir e vender 250 exemplares e ela se encarregaria da distribuição dos 750 exemplares restantes, e para isso eu teria que desembolsar na assinatura do contrato uma simples bagatela de R$ 7.250,00, sei que para muitos, isso não é nada, mas para quem está acidentando sem poder trabalhar, é um valor “Milionário”. Rsrsrsrsr… Onde & como é que eu iria arrumar tantas “Garoupas” assim? Rsrsrsrsrsrs…

Por encontrar esta dificuldade que eu resolvi publicar o e-book no site da Amazon, o que me fez passar horas e horas pesquisando, baixando programas e me virando para conseguir converter o arquivo em formato MOBI. Confesso que quase desisti, oh coisa difícil de fazer quando se é Leigo no assunto viu! Com a venda dos e-books pretendo ajuntar verba para publicar o “Livro Físico” (“o pior” é que já tem muitos Leitores me cobrando). Oh my God what to do? (Oh meu Deus o que fazer?). Rsrsrsrsrsrs…

Arca Literária: O que você acha do novo cenário da literatura nacional?

Isaque Ribeiro: Percebo que o número de pessoas com interesse por literatura no Brasil tem aumentado de forma abrangente, mas, no quesito “Novos Escritores”, pois no quesito leitores, não se percebe crescimento expressivo.

O fator que dificulta a ascensão Literária Brasileira é o alto custo dos livros, pois vivemos em tempo de crise e boas partes dos brasileiros não gostam ou não tem o hábito de ler.  O Brasileiro não investe em Cultura e Conhecimento. Se um livro de 200 páginas custa R$ 40,00, ele acha absurdo de caro (e o que não é caro no Brasil não é mesmo?), e pensa… Eu não vou gastar R$ 40,00 num livro! Mas, compra quatro lanches e gasta quase R$ 50,00 ou até mais que isso e está tudo certo… Acho que o País precisa apoiar mais os “Novos Escritores”, baixando a inflação e investindo em programas e propagandas que incentivam a Leitura, aumentando assim o número de “Leitores”, pois os preços dos livros realmente não são baratos.

Arca Literária: Recentemente surgiram várias pessoas lançando livros nacionais, uns são muito bons, outros
nem tanto, outros são até desesperadores, o que você acha sobre este boom?

Isaque Ribeiro: Eu acho que o “brasileiro” é muito oportunista! Tudo o que se destaca, ele também quer tentar fazer, talvez para melhorar sua vida financeira, talvez apenas para alcançar popularidade ou por prazer, mas com todo o respeito… Sabemos que escrever um livro não é uma tarefa fácil, então eu acho que quem o faz deve fazê-lo com consciência e muita cautela, no mínimo sabendo para qual público ele está escrevendo aquele determinado livro. Ter um Boom Literário no Brasil é Excelente, mas se esse Boom (independente do Gênero) for infundado, inconsciente e sem qualidade não vejo Vantagens para que ele aconteça, pois de que adianta este Boom Momentâneo de má qualidade, se ele só servirá para desacreditar os “Novos Escritores” que realmente se dedicam se aprofundando em pesquisas para escrever seus livros. Já acho tão difícil para nós (Novos Escritores) encontrarmos espaço no Mercado Literário e ganharmos Credibilidade com nossas Obras e nossos Nomes Desconhecidos, que deixo aqui o meu apelo a todos àqueles que desejam se tornar Escritores… Pesquisem, Dediquem-se e Empenhem-se ao máximo para fazer uma Excelente Obra, pois estes “Livros Desesperadores” citados na pergunta só vem para dificultar ainda mais a nossa ascensão.

Arca Literária: Qual sua opinião sobre os preços elevados dos livros nacionais?

Isaque Ribeiro: Quanto a isso acho até difícil comentar, haja visto que no Brasil “Nada é Barato”, mas acho Lamentável os investimentos Bilionários que se faz todos os anos no “Carnaval” por exemplo, onde muitas pessoas se “Divertem”, porém acredito que muitas mais, assinam suas sentenças de morte contraindo diversos tipos de doenças, enquanto muitas Escolas Públicas e muitos Hospitais Públicos do País estão em ruínas sem as mínimas condições de Usos e Atendimentos.

Falta verba o ano inteiro para investir em Saúde, Segurança e Educação, mas para investir no carnaval sempre tem. Acho que cada Novo Escritor que criasse uma Obra Literária de Qualidade deveria passar a receber um Auxílio Mensal do Governo, se fosse assim eu tenho Absoluta certeza de que muitos brasileiros se dedicariam mais a Literatura e menos a Criminalidade.

Arca Literária: Qual livro você falaria: “queria ter tido esta ideia”?

Isaque Ribeiro: São muitos, e prefiro não comentar os nomes dos livros e sim os nomes dos Autores, pois acho que sem os Autores os Livros não seriam escritos, e como todos os livros destes autores são de “Ideias Invejáveis” (no sentido de Admiração), prefiro citar os dois Autores que mais Admiro no momento. “Stephenie Meyer & Nicholas Sparks”.

Comprei recentemente três livros só por causa de suas “Sinopses”, porém ainda não os li por falta de tempo, mas ainda assim quero fazer menção deles e de seus Autores.

  • Sombras da Noite – A Vingança de Angelique – de Lara Parker.
  • Strange Angels – de Lili St. Crow.
  • Despertar – da Série Watersong – de Amanda Hocking.

Arca Literária: Se tivesse que escolher uma trilha sonora para seus livros qual seria? (nome da musica + cantor)

Isaque Ribeiro: Na verdade eu faço menção de duas músicas em meu Livro.

“Marry Me” – de Jason Derulo (Dimitri Bennett a escuta enquanto está dirigindo seu carro em direção à casa de Tayla Corvin para o Primeiro encontro dos dois) e “I Look to You” – de Whitney Houston (In memoriam) (Lívia canta tocando piano depois que seu pai a deixa de castigo e a proíbe sair de casa e ver Caleb), mas tenho algumas músicas em mente para algumas “cenas”. Rsrsrsrsrs… Eu me refiro a “cenas”, pois enquanto escrevia eu viajava imaginando as cenas acontecendo como em um filme.

Como trilha sonora? Acho que escolheria “Two Is Better than One” – de Boys like Girls. “Dois é melhor que um” é uma Linda música Romântica e acho que combinaria muito bem com a história.

Arca Literária: Já leu algum livro que tenha considerado “o livro de sua vida”?

Isaque Ribeiro: Adorei os livros que li, mas tenho que confessar que o livro da minha vida é o meu livro “Alpha – O Início”. Não sei se isso deve ao fato de ser o meu primeiro Livro, mas o Prazer e a Sensação de ler a sua própria Obra são simplesmente Incomparáveis. Rsrsrsrsrs… Pelo menos para mim, é como se a cada capítulo eu me surpreendesse comigo mesmo, não acreditando na minha capacidade de escrever aquela Obra.

Arca Literária: Você tem novos projetos em mente? Se sim, pode falar sobre eles?

Isaque Ribeiro: Sim! Como já respondi anteriormente, estou escrevendo o meu segundo Livro “Alpha – O Despertar” que dará sequência a “Série Alpha”, tenho em mente como proceder na história do terceiro livro da “Série Alpha”, mas é Segredo (Rsrsrsrsrs…). Provavelmente irei escrever a Biografia de uma “Mãe Guerreira” que fez de tudo para criar e proteger seus filhos, mas teve a infelicidade de se envolver com um homem mais novo sem saber que ele era usuário de drogas e acabou sendo infectada com “Vírus do HIV”, passando muito sofrimento em seus últimos anos de vida. Mas…

Também irei escrever livro adolescente de história fictícia de minha família onde meu filho “Isaque Filho” será um dos Protagonistas, e além deste livro, também irei escrever outro livro de Ficção Científica sobre Zumbis.

Obs.: Já tenho o enredo de ambas as histórias e já tenho-as em mente, mas haja tempo para escrever né? Rsrsrsrsrsrs…

Arca Literária: Você acompanha as críticas feitas por blogueiros nas redes sociais? O que você acha sobre isso?

Isaque Ribeiro: Infelizmente não! Depois que comecei a escrever, passei a empenhar maior parte do meu tempo em pesquisas a fim concluir uma boa Obra, e como eu terminei de escrever o primeiro livro dia 27/11/15 e comecei a escrever o segundo já no dia 28/11/15, eu ainda continuo empenhando a maior parte do meu tempo em pesquisas.

Acho muito bom e pretendo separar um tempinho para acompanhar as críticas dos blogueiros sim, acho que toda crítica deve ser analisada, pois muitas vezes o Leitor vê as coisas de um ângulo diferente ao do Escritor e dependendo da crítica, nós passemos a enxergar as coisas por um ângulo diferente também, mas se for o caso de o Leitor não ter compreendido direito o que o Escritor quis dizer, nós possamos esclarecer tirando-lhes as dúvidas.

Arca Literária: Se pudesse escolher um leitor para seu livro (escritor, alguém que admire) quem seria?

Isaque Ribeiro: “Stephenie Meyer & Nicholas Sparks”. Rsrsrsrsrsrs…

Arca Literária: Qual a maior alegria para um escritor?

Isaque Ribeiro: Concluir uma Obra, Ser Publicado, Ler e ser Lido pelo maior número de Leitores possíveis, tudo isso nos deixam muito felizes, mas eu acho que o mais gratificante, deva ser seus Leitores te dando um retorno fazendo menção de sua Obra como um bom Livro.

Arca Literária: Deixe uma mensagem a nossos leitores e para aqueles que estejam iniciando no mundo da escrita literária.

Isaque Ribeiro: Queridos Leitores, por maior que sejam as dificuldades, creiam no potencial de vocês, pois todos vocês são capazes de concluir uma boa Obra, mas minha dica é:

Pesquisem muito, e não tenham medo de arriscar a expor ao mundo as suas ideias, pois a melhor coisa que a Escrita nos proporciona é a “Liberdade de Expressão”, dando-nos a possibilidade de criarmos um mundo mágico e transferi-lo para o Papel ou Computador. Rsrsrsrsr…

Deixo aqui um trecho de meu Livro “Alpha – O início”, que ao mesmo tempo fala sobre minha história.

“Aprendi a ser forte vencendo o medo com coragem, sorrindo na tristeza, estimulando no cansaço o vigor da força outrora perdida, dizendo adeus à quem partiu sem nunca deixá-lo ir embora dos meus pensamentos, usando a tormenta como incentivo para voar cada vez mais alto e os desafios como oportunidades para vencer, fazendo dos meus erros um mapa inverso para o meu sucesso e entendendo que ser livre se resume a ser um eterno prisioneiro de um único sentimento chamado AMOR!”

“Isaque Ribeiro”

Conheça um pouco mais o autor e seu livro nos links: Amazon, Série Alpha, Fanpage, Facebook do autor, Instagram, Twitter, Email do autor isaqueribeiro_@hotmail.com

Quer divulgar seu livro também? Clique aqui!

7 Comentários

  1. Bela entrevista Isaque!
    Pessoalmente sei um pouco da sua historia, o quanto você e guerreiro e batalhador.
    E que nem por isso as coisas são fáceis para você. Mas como a pessoa determinada que é, fica certo que seus objetivos serão alcançados
    a qualquer momento desta caminhada. E que você colha o melhor destes momentos e desfrute sempre com o amor e a alegria que são
    sinônimos do seu ser.
    Abraço amigo!

    • Grande Amigo, Valmir Soares!
      Obrigado pelas palavras.
      Posso dize exatamente o mesmo de você!
      Mesmo sem sermos parentes somos muito parecidos, é claro que eu sou mais bonito, kkkkkkkkk brincadeira irmão!
      Mas de uma coisa eu tenho certeza… Você tem um dom que eu não possuo. O Dom da Paciência, e isso te torna uma pessoa diferenciada!
      Obrigado por ser meu amigo!
      Abraços!
      Atenciosamente,
      Isaque Ribeiro.

  2. Obrigado pelo comentário Leo Vieira!
    Kkkkkk…pergunta interedsante, mas não!
    Nunca pensei nessa hipótese.
    Acredito que nada, Absolutamente NADA na vida acontece por acaso.
    Se ele comparecesse no lançamento do livro e se manifestasse confessando ter sido ele o causador de meu acidente, com certeza eu não o agradeceria, pois se o fizesse estaria apoiando o imprudente erro que ele cometeu.
    Mas o trataria como todos os outros leitores, afinal… Quem nunca errou não é mesmo?
    Mas como eu som muito brincalhão, eu aproveitaria a situação para fazer um brincadeirinha com ele e diria:
    Para você o livro vai custar mais Caro! Kkkkkkkk…Só para Descontrair!

  3. Parabéns, Isaque! A sua história é muito bonita e a entrevista foi sensacional!
    Imagine só se esse motoqueiro acaba lendo essa entrevista e se lembrando da situação?
    Será que um dia ele compareceria em algum lançamento de livro pra te revelar que foi o causador do acidente que se tornaria o início de seu legado literário?
    Você já pensou como que reagiria a isso?
    Abraços e boa sorte!
    Leo Vieira

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here