Everton Araguahy

0
775

  1. Fale-nos um pouco de você.

Sou Cristão, amante de jogos online, hqs e mangás. Amo musica, fazer o bem aos outros e instruir as pessoas com a palavra de Deus.

  1. O que vc fazia/faz além de escrever? De onde veio a inspiração para a escrita?

Faço faculdade de Educação Física (bacharel), faço lives quase toda noite no Periscope falando sobre diversos assuntos e dou conselhos para as pessoas que me procuram dessas lives. Minha maior inspiração é Deus, o amor dEle por nós. Mesmo que eu não venha escrever uma obra Cristã, tento sempre falar um pouco de Deus e colocar alguma reflexão sobre isso.

  1. Qual a melhor coisa em escrever?

Aprimorar a criatividade, se sentir produtivo, entrar em um mundo totalmente diferente, ser dono de sua realidade. 

  1. Você tem um cantinho especial para escrever? 

Não tenho nenhum canto especial para escrever, qualquer lugar é lugar, seja no ônibus, em casa, na rua, em frente ao computador… 

  1. Qual seu gênero literário? Já tentou passear em outros gêneros?

Ação, filosofia e psicologia. Tentei ler romances, até que gostei, mas não faz muito meu gênero. 

  1. Fale-nos um pouco sobre seu(s) livro(s). Onde encontra inspiração para título e nomes dos personagens?

Meu livro se trata de um Pastor que conta histórias para um jovem e pede para que esse jovem escreva cada historia, tendo um fundamento importante da vida desse Pastor em cada capitulo. Alguns nomes são bíblicos, coloquei a característica dos personagens da bíblia em alguns personagens do livro. O nome do livro foi baseado no Bom Pastor, em que Jesus diz ser o Bom Pastor, o leitor pode até pensar que o Bom Pastor é o personagem que narra toda a história, mas no decorrer você entende que nada é o que realmente parece ser.

  1. Qual tipo de pesquisa você faz para criar o “universo” do livro?

Toda a bíblia sagrada, Leandro Karnal, filmes antigos e contemporâneos e o testemunho de vida das pessoas ao meu redor. 

  1. Você se inspira em algum autor ou livros para escrever? 

Cada capitulo contando uma historia foi uma ideia que tive ao ler os livros de George R.R Martins, e os enigmas de cada capítulo foi baseado em As Aventuras de Pi. 

  1. Você já teve dificuldade em publicar algum livro? Teve algum livro que não conseguiu ser publicado?

Sim, por falta de interesse em publica-los. Uso o Wattpad e costumo deixa-los lá de graça, não tenho interesse em publicar ainda. 

  1. O que você acha do novo cenário da literatura nacional?

Ainda muito infantil. Isso não é necessariamente ruim, mas demonstra que as pessoas desejam muito viver um romance adolescente, viver algo que é impossível na realidade em que vivemos, isso demonstra que as pessoas desejam viver algo novo, e por não conseguirem viver esse “novo” desejam viver isso na leitura. Então eu entendo que o maior objetivo do escritor é escrever algo que as pessoas desejariam viver. 

  1. Recentemente surgiram vários pessoas lançando livros nacionais, uns são muito bons, outros nem tanto, outros são até desesperadores, o que você acha sobre este boom?

Isso é ótimo. Ninguém começa escrevendo bem. Aprendemos com acertos e erros. Escrever um livro ruim é a chance de receber críticas e aprender com os erros… Logo, entendo que se você escreve um livro ruim, o seu próximo será melhor. 

  1. Qual sua opinião sobre os preços elevados dos livros nacionais?

Procurei uns livros pelo ebay/amazona comparando o preço que os americanos compram livros americanos… Eles pagam MUITO menos que nós. Ate livros como Harry Potter está baratissimo nos EUA, então por quê um livro nacional deveria custar tão caro? Eu entendo que o livro que vem de fora precisa ser traduzido e isso já o faz ser mais caro por causa do trabalho. Mas não faz sentido um livro ser caro no seu pais de origem. 

  1. Qual livro você falaria: “queria ter tido esta ideia”?

Crônicas de Gelo e Fogo 

  1. Se tivesse que escolher uma trilha sonora para seus livros qual seria? (nome da musica + cantor)

Liberta-me de Mim – Luma Elpídio

  1. Já leu algum livro que tenha considerado “o livro de sua vida”?

Não, nunca li um livro que fosse tão bom ao ponto de pensar assim. 

  1. Você tem novos projetos em mente? Se sim, pode falar sobre eles?

Tenho em mente dois pequenos projetos, pois desejo escrever apenas livros pequenos por enquanto. O primeiro é de uma jovem com poder de alterar o tempo e o segundo é sobre dois irmãos que presenciam um fenômeno em que todo o mundo é afetado. 

  1. Você acompanha as críticas feitas por blogueiros nas redes sociais? O que você acha sobre isso?

Não acompanho, mas vejo ocasionalmente. Acho bom, tanto para o escritor ter subsidio nas tomadas de decisões, quanto para divulgar o livro. 

  1. Se pudesse escolher um leitor para seu livro (escritor, alguém que admire) quem seria? 

George R.R Martin. Provavelmente ele veria um monte de erros e me mandaria parar de escrever rsrsrs, mas ao menos eu anotaria todas as críticas e aprenderia com elas. 

  1. Qual a maior alegria para um escritor?

Ter um número grande de pessoas comentando sobre o livro seja coisas boas ou ruins. 

  1. Deixe uma mensagem a nossos leitores e para aqueles que estejam iniciando no mundo da escrita literária.

Escreva, escreva leia, escreva mais um pouco, leia, escreva. Se ficar ruim, não importa, continue escrevendo. Apenas termine de escrever, pois assim você adquiriu experiência e com essa experiência você escreverá algo muito melhor.

Quer seu livro divulgado por nossa equipe? Clique aqui e saiba como!

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here