Entre Quatro Poderes – SIC (vários autores)

0
725

BIOGRAFIAS

ANDERSON FERNANDES: O jornalista Anderson Fernandes têm 29 anos. É graduado em Comunicação Social – Jornalismo e têm especialização em Comunicação Estratégica pela Universidade Braz Cubas (UBC). Anderson tem passagens pelos jornais Diário de Suzano, Diário do Alto Tietê, Folha Metropolitana de Guarulhos, nas funções de repórter e editor e também realizou trabalhos na ASBS, Top Clip, AV Agência de Comunicação e Prefeitura de Suzano. É criador dos portais de notícia AT11 e Política na Hora e ganhador, em 2011, do prêmio Top Blog, categoria Jornalismo, com o Blog do Fernandes.


RODRIGO DIAS: É formado em Comunicação Social – Habilitação em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2009 na profissão, atuou como repórter no jornal Diário de Suzano e também se especializou em assessoria de imprensa na Câmara Municipal da cidade. Já realizou trabalhos freelance para a Prefeitura de Arujá e atualmente integra a equipe da Secretaria de Comunicação Institucional da Prefeitura de Suzano.


DÉBORA KAORU: A jornalista Débora Kaoru tem 27 anos. É graduada em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade Braz Cubas (UBC). Trabalhou como repórter no jornal A Tribuna Suzanense, Rádio Metropolitana e também com Assessoria de Imprensa Política.


KHADIDJA CAMPOS: Khadidja Campos tem 28 anos, é formada em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) e pós-graduanda em Comunicação em Redes Sociais pelas Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). Sempre trabalhando com política, foi repórter dos jornais Diário de Suzano e Diário do Alto Tietê, e assessora de imprensa de vereador, candidato a prefeito e partido político.


SINOPSE: 

O livro “Entre Quatro Poderes” tem gerado muitos comentários desde a pré-venda, que teve início em outubro e tem sido um sucesso nas principais livrarias do País. O livro foi publicado pela Editora Novo Século e tem o selo Novos Talentos da Literatura Brasileira.

“Dormi e acordei todos esses dias grudada com livro, pois queria terminar logo, a cada página que lia, queria saber o que aconteceria com cada personagem. Houve vários momentos que senti raiva, pena, vontade de fazer justiça. Também desejei desfechos românticos que não aconteceram. Para mim, é claro que são indícios de um segundo, terceiro e quarto volumes”, comentou a administradora de empresas, Katia Oliveira, que comprou o livro “Entre Quatro Poderes” antes do lançamento.

“Uma trama interessante. As pessoas podem achar que por ter política como pano de fundo, é algo restrito para quem gosta do tema. Mas, me surpreendi, porque o livro tem romance, crimes, situações engraçadas e algumas revoltantes. Ou seja, uma obra completa e certamente está entre as melhores que tive acesso nos últimos anos. O sucesso do livro realmente é merecido”, comentou líder comunitário Gerson Bernardo Aguirra, o popular Big Big.

A obra também já é conhecida por grandes personalidades, como a dramaturga Maria Adelaide Amaral e o jornalista Heródoto Barbeiro. “Parabéns pelo livro, que já li e gostei muito. Não é o amor que está no ar. É a política”, explicou a dramaturga. Barbeiro, âncora do Jornal da Record News e do R7, publicou nota sobre o lançamento do Entre Quatro Poderes no seu blog.

O livro Entre Quatro Poderes discute o relacionamento entre as pessoas que comandam a política brasileira, reunindo histórias fictícias similares a casos vivenciados pelos autores. Segundo Rodrigo Dias, “Entre Quatro Poderes” é um romance cujo protagonista é Churrasco, o prefeito da cidade de Suares, que ao perceber que a Polícia Federal está na cidade para prendê-lo, começa a repensar suas ações no comando do Executivo.

A publicação traz ao público o que acontece nos bastidores da política e quase nunca é divulgado. O romance se passa na cidade fictícia de Suares, porém, representa a realidade política enfrentada em muitos municípios em todo País. “Certamente será uma obra literária que aguçará as discussões sobre o verdadeiro papel do político frente as demandas do povo”, comentou Anderson Fernandes.

A iniciativa de escrever o livro, segundo Khadidja, “germinou de repetidas discussões sobre política, quase que diária, depois do expediente de trabalho”. Diante das muitas interrogações surgidas das conversas entre os quatro jornalistas, surgiu a ideia de se pesquisar sobre o assunto e colocar tudo no papel. Decidiram pela ficção e criaram personagens para situações que já foram diversas vezes estampadas em capas de jornais.

Na verdade, o que os quatro pretendem com o leitor é que ele, na sua leitura, entenda como é o processo político, principalmente no caso dos escândalos e da corrupção. “Como isso acontece, e como, muitas vezes, mesmo inocentes, e bem intencionados, alguns políticos são envolvidos. A história se desenvolve de forma que o próprio leitor terá a sua interpretação, quanto à inocência ou a culpa de um ou outro político”, destaca Fernandes. “Claro que tem culpados na nossa ficção, e inocentes, e que tudo, se bem entendido na leitura que faz o leitor, tem um porquê, e esse julgamento será feito conforme o entendimento dessa leitura”, completa Débora.

Divulgação
O teaser “O Esculacho”, produzido para divulgação do livro “Entre Quatro Poderes”, lançado pela editora Novo Século, já atingiu mais de 134 mil visualizações. O vídeo apresenta uma cena baseada em um dos capítulos da publicação.

Além do sucesso no YouTube com o vídeo “O Esculacho” , a página do livro no Facebook já tem aproximadamente 24 mil seguidores e na mesma são discutidos temas como consciência política, incentivo à leitura, conquista de objetivos, dicas culturais, além de notas relacionadas ao lançamento do livro. No Twitter , são aproximadamente 8,9 mil pessoas que acompanham as novidades sobre a publicação. O livro também conta com o site e no Skoob.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here