Enquanto a chuva caía – Christine M

0
675

A trama gira em torno de Marina e Erick, com narração em primeira pessoa do ponto de vista dos dois, o que pode ser um pouco confuso no início, mas depois o leitor entra no ritmo da narrativa. Erick mora no Brasil e Marina nos EUA. Ele tem uma profissão que coloca sua vida em risco e ela com apenas 23 anos e é obrigada a assumir a empresa de sua família, pois seu pai está com Alzheimer e sua mãe está cuidando dele. A única mulher que ele amou desapareceu em um seqüestro e o marido dela morreu. Os dois carregam uma carga de vida muito pesada. Quando Erick tem que fugir do Brasil por uns tempos vai trabalhar justamente na empresa da família de Marina.

A primeira vez que Erick vê Marina já fica encantado. Uns dias depois quando ele está em um bar, ela entra desesperada pedindo ajuda para trocar um pneu oferecendo 50 dólares a pessoa que a ajudar, isso em baixo de um temporal daqueles. Lógico que ele não perdeu a oportunidade de ajudá-la. Ele diz que trabalha na empresa dela e então começa a surgir uma amizade entre eles, e assa amizade que tem tanto desejo por trás vai acabar quebrando as barreiras entre patrão e empregado.

Comecei esse livro com expectativas um pouco altas, pois sempre vejo muitos elogios à autora, principalmente sobre a obra Sob a luz dos seus olhos que ainda não tive o prazer de ler. Posso de dizer que gostei da escrita da autora, achei a trama envolvente mas achei faltou alguma coisa principalmente com relação ao mistério da trama foi tudo resolvido rápido de mais e pouco explicado. Com relação ao romance eu gostei bastante foi bem encantador, tiveram partes divertidas também. Resumindo foi um bom livro, mas faltou um quê a mais para ser ótimo.

Resenha de Danielle Peçanha, resenhista do Arca Literária e do blog Minhas Resenhas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here