Décio gomes

0
572

Pernambucano, nascido na cidade de Caruaru, laçou seu primeiro livro, Albertine, em Junho de 2012, e desde então vem ganhando destaque no ambiente literário indie do Brasil. Albertine entrou na lista de concorrentes ao Prêmio são Paulo de Literatura como melhor livro do ano, na categoria autor estreante.

In nomine patris – Jullian Bergamo é um padre missionário que realiza trabalhos para a igreja católica. Mas não um padre comum. Ele é um venator: um membro da igreja especialmente treinado para caçar e eliminar demônios. Após ser transferido de sua antiga comunidade para a cidadezinha de Willinghill, Jullian depara-se com um caso singular: pessoas mortas levantando-se de suas tumbas e vagando livres pela cidade. Logo ele conhece a origem do problema: o Mormo, um terrível demônio necromante que possui cadáveres e os transforma em violentos mortos-vivos. Munido com sua fé e coragem, o jovem padre enfrentará um dos casos mais marcantes de sua trajetória como venator: eliminar o Mormo, enquanto tenta sobreviver às hordas de mortos-vivos que farão de tudo para devorar cada pedaço de sua carne.

Quer divulgar sua participação na Bienal do Livro? Clique aqui

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here