Cotidiano – Soraya Abuchaim

0
546

“(…) cuidado com o que deseja”.

(Soraya Abuchaim,

in: Cotidiano, 2015)

 “Todo dia ela faz tudo sempre igual…” Assim como na música de Chico Buarque, a autora Soraya Abuchaim reflete sobre a rotina em seu conto “Cotidiano”. Entretanto, em si tratando de um enredo da Dark Queen, tanto a protagonista, quanto o leitor encontrarão um cenário distinto da música de mesmo nome. Ao invés de “… me sacode as seis horas da manhã. Me sorri um sorriso pontual. E me beija com a boca de hortelã…” nos deparamos com cinco páginas repletas de suspense, terror e mistério.

“Cotidiano” acompanha um dia na vida de Karen, uma decoradora de interiores bem sucedida. As insatisfações com a mesmice são inerentes às pessoas na faixa etária em que a protagonista se encontra. Por volta dos trinta anos, as escolhas já foram feitas, a faculdade, um dos grandes marcos de mudança, ficou para trás e a rotina se estabelece. Finalmente constatamos que estamos vivenciando as consequências de nossas atitudes, com todos os erros a acertos que culminaram nesse ponto e dificultam uma mudança de rumo.

Como será que Karen passará por essa crise precoce da meia idade?  “Cuidado com o que deseja”… com esse subtítulo o conto aguça a curiosidade do leitor e já nos faz temer pela entediada protagonista.

 signaturesignaturesignature

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here