Como eu era antes de você – Jojo Moyes

0
714

“Sabe, você só pode ajudar alguém que aceita a sua ajuda”

Difícil falar deste livro. Me emocionei muito com ele. Olha que tentei adivinhar o final da história e não acertei e mesmo assim amei o que a autora fez com ele.

Quando li “Quem eu era antes de você” praticamente ninguém tinha lido, não os blogueiros que eu conhecia ou que via em grupos de leitura. Não havia este falatório todo sobre o livro ser assim assado.

Confesso que quando vi o entusiasmo que as pessoas falavam sobre a descoberta do livro, o desejo que tinham em expor seus sentimentos sobre o livro, eu fiquei super feliz pois tinha passado por isso tempos antes delas.

Este livro é único! Deixo claro desde já!! Quem leu não se arrependeu, talvez tenha se arrependido por ter terminado a leitura rápido de mais, mas não de ter dedicado seu tempo a esta leitura mais que perfeita.

O livro narra a história de Will, um jovem advogado que sofre um grade acidente ao ser atropelado por uma moto próximo a sua casa. Will se descobre tetraplégico e sua única vontade era a de acabar com sua própria vida.

Para tentar mudar estes pensamentos sua mãe abre vaga para acompanhante, alguém que pudesse estar com Will durante boa parte de seu tempo, apenas para conversar com ele e o servir naquilo que fosse necessário. Mas seu verdadeiro interesse em uma possível contratação era outro.

Quando surge Lou, uma jovem de 20 anos, sem experiência comprovada, mas que tinha uma vontade incrível de viver. Lou se candidata a vaga do emprego pensando apenas na grana que receberia e o quanto isso mudaria a sua vida. Não imaginando ela que sua vida mudaria drasticamente a partir do momento que pisou seus pés naquela casa.

Lou encara a situação como temporária, já que seu contrato duraria apenas seis meses. Tenta de todas as formas agradar ao seu “paciente” mas ele é relutante, grosseiro as vezes e faz de tudo para mante-la distante.

Aos poucos Louisa consegue se aproximar dele e a partir deste momento o desenrolar da trama é tão marcante que leva qualquer um às lágrimas.

Falar que gostei de ler este livro é pouco. Ele me fez repensar muitas coisas em minha vida. Fez muitas interrogações surgirem. Mas acima de tudo a história me fez valorizar ainda mais minha condição humana. É bom quando um livro mexe com nosso interior e faz um reboliço gostoso nele.

Por fim, é um livro extremamente recomendado!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here