Betinho o porquinho cenógrafo – Elisandra Pauleli

0

Biografia: A escritora Elisandra Pauleli é nascida em Rio Claro, interior do estado de São Paulo, Brasil.

Formada em Marketing de Negócios e estudante de Pedagogia, realizou projetos direcionados ao combate ao bullying, tanto no ambiente escolar, quanto em ambiente de trabalho e familiar, recebendo o Prêmio Moção de Aplausos, pela Comissão de Direitos Humanos da OAB da 4 subseção de Rio Claro-SP.

O Prêmio Moção de Aplausos foi concedido em reconhecimento aos trabalhos e eventos desenvolvidos para prevenção do Bullying, em prol da Cidadania, dos Sujeitos Titulares de Direitos Humanos, da Sociedade Deméstica e da Comunidade Internacional.

Foi neste contexto que escreveu o livro “BETINHO, O PORQUINHO CENÓGRAFO”.Uma história cativante, que traz ao mundo das crianças a realidade do bullying e do preconceito, com o intuito de informar e alertar a todos sobre a prática deste comportamento.


 

Sinopse: Betinho era um porquinho feliz, que gostava muito de música e artes.

Porém, na escola, encontrava dificuldade em fazer amigos, pois o julgavam diferente, só porque apreciava se vestir com roupas coloridas.

Tudo mudou quando a direção da escola ficou sabendo o que estava acontecendo, através dos próprios alunos, que recusaram a ajuda de Betinho na produção do cenário da peça que encenariam. Com a aprovação de professores e da diretoria, Betinho pôde mostrar seu talento criando um cenário original, que despertou em todos a vontade de participar, e provou que a maneira de se vestir não fazia dele um mau colega de classe.

Uma história simples, que aborda temas atuais de extrema importância: Preconceito e Bullying.

Compre este livro aqui

Mensagem da autora:

Por favor, estou com uma proposta de venda do livro infantil, Betinho, O Porquinho Cenógrafo de minha autoria. Eu conseguiria vender o livro por 30 reais com um pedido minimo de 150 exemplares para as crianças.
dividindo em 2X os 30,00 reais
a 1. parcela por 20,00 reais e a 2 parcela 10,00 reais. Sendo q 10% do meu lucro será repassado para APM da escola. Sera entregue, o livro na ultima parcela.

Crônicas de Silbery – O Segredo do Bosque – Priscila Magalhães Palmeira

0

Biografia: Priscila Magalhães Palmeira, paulista nascida em 23 de março, é casada e mãe de quatro meninos
Começou a escrever há cinco anos e tem participação em duas antologias, sendo uma de contos e outra de poesias, e Crônicas de Silbery é seu primeiro livro solo.
Atualmente escreve também em plataformas como o Wattpad e Widbook, onde tem tido boa aceitação e críticas.


Sinopse: Quando quatro irmãs perdem a casa em que moram e vão morar com a tia numa suntuosa propriedade em outro estado, nunca poderiam imaginar que no bosque ao fundo da casa há uma passagem para um mundo paralelo onde criaturas do bem, subjugadas há duas décadas por Yanna, a senhora das sombras, acreditam que elas são as suas salvadoras mencionadas na profecia. No entanto as meninas não compartilham da mesma ideia e quando estão tentando voltar para casa Milca é raptada pela grande coruja branca, Amal, e levada para o castelo de Yanna e numa discussão Joana corre para a floresta e se perde. Vera não vê saída a não ser recorrer ao sábio da montanha e pedir ajuda. No Final, a batalha entre o bem e o mal será inevitável.

Mais informações sobre o livro e a autora: WattPad, Skoob

Filosofia e Auto Ajuda – Richard Câmara

0

Biografia: Richard Câmara pereira da silva, natural de Sabinópolis(minas Gerais) e registrado em Rio vermelho(Minas Gerais).Sou técnico em  contabilidade,sou poliglota,atualmente trabalho como vigia  na Prefeitura de Ibirité (Minas Gerais).Tenho um filho  já adulto que reside em Minas Gerais.tenho 48 anos .Meus pais são Eneas Pereira da Silva (in memorian) e Maria Seida Cãmara Perera da silva,todos dois naturais de Rio vermelho(Minas Gerais).atualmente sou membro da FRATERNIDADE ESPÍRITA IRMÃO GLACUS onde faço campanha do quilo,já trabalhei no Bradesco agência Cidade Industrial(Minas Gerais).Nas horas vagas faço entretenimento de festas infantis com magias e truques(ilusionismo).Sou pintor(pintura em tela),coleciono selos e moedas,aprecio muito jogar xadrez….


Sinopse:  Livro com mensagems de filosofia sobre o cotidiano da pessoa

Betinho o porquinho cenógrafo – Elisandra Pauleli

0

Biografia: A escritora Elisandra Pauleli é nascida em Rio Claro, interior do estado de São Paulo, Brasil.

Formada em Marketing de Negócios e estudante de Pedagogia, realizou projetos direcionados ao combate ao bullying, tanto no ambiente escolar, quanto em ambiente de trabalho e familiar, recebendo o Prêmio Moção de Aplausos, pela Comissão de Direitos Humanos da OAB da 4 subseção de Rio Claro-SP.

O Prêmio Moção de Aplausos foi concedido em reconhecimento aos trabalhos e eventos desenvolvidos para prevenção do Bullying, em prol da Cidadania, dos Sujeitos Titulares de Direitos Humanos, da Sociedade Deméstica e da Comunidade Internacional.

Foi neste contexto que escreveu o livro “BETINHO, O PORQUINHO CENÓGRAFO”.Uma história cativante, que traz ao mundo das crianças a realidade do bullying e do preconceito, com o intuito de informar e alertar a todos sobre a prática deste comportamento.


Sinopse: Betinho era um porquinho feliz, que gostava muito de música e artes.

Porém, na escola, encontrava dificuldade em fazer amigos, pois o julgavam diferente, só porque apreciava se vestir com roupas coloridas.

Tudo mudou quando a direção da escola ficou sabendo o que estava acontecendo, através dos próprios alunos, que recusaram a ajuda de Betinho na produção do cenário da peça que encenariam. Com a aprovação de professores e da diretoria, Betinho pôde mostrar seu talento criando um cenário original, que despertou em todos a vontade de participar, e provou que a maneira de se vestir não fazia dele um mau colega de classe.

Uma história simples, que aborda temas atuais de extrema importância: Preconceito e Bullying.

Mensagem da autora:

“Por favor, estou com uma proposta de venda do livro infantil, Betinho, O Porquinho Cenógrafo de minha autoria. Eu conseguiria vender o livro por 30 reais com um pedido minimo de 150 exemplares para as crianças.
dividindo em 2X os 30,00 reais
a 1. parcela por 20,00 reais e a 2 parcela 10,00 reais. Sendo q 10% do meu lucro será repassado para APM da escola. Sera entregue, o livro na ultima parcela.”

Crônicas do amor impossível – Sérgio Almeida

2

Biografia: Dizer quem somos soa estranho, como se estivéssemos completos, finalizados, como se a vida fosse linear e não a permanente e constante mutação em processo que encarnamos.  Sou apenas um bardo. Nada além daquele que quero ser. Nada aquém daquele que fui. Resultado de tudo aquilo que senti, tudo aquilo que criei, das histórias que inventei, dos sentimentos que fingi, daquilo que sofri, daquilo que ganhei. Sou parte de um todo. Um caminho sem rumo. Um brinquedo nas mãos da matemática do caos. Apenas um bardo errante.

Me faço poeta para libertar as emoções que estão aprisionadas nas masmorras da alma, refugiar-me dos meus demônios, contar as mentiras que me tornam verdadeiro, palavras sem importância em seu momento derradeiro. Na vida real meu nome é Sergio Almeida, habitante de Niterói, RJ, vivendo o meu destino de fênix, um minuto de cada vez, nestes campos de desigualdade. Poeta pela necessidade fisiológica da prospecção de mim mesmo, em busca da minha humana tradução.

O jardim é uma tentativa humana de organizar a natureza, ordenar o desordenado. Mas Jardim também é aquele que me habita, meu alter ego que assina estas poesias. Um pedaço de mim que se aventura pelos portais onde nunca me aventurei. Aquele que enxerga até onde meus olhos não alcançam. Aquele que se traveste de sonhos e prova sua íntima parcela de morte e de vida. Aquele que espera e conquista. Que chora e sorri.  Minha âncora, meu sangue, minha sede. Em sua incandescência a nomear as coisas, apagar as sombras, revelar o íntimo das palavras. Meu maior patrimônio são os meus versos, com eles construo meu jardim.


Sinopse: Mário de Andrade definiu para sempre: amar é verbo intransitivo. O amor atrai pela promessa do bem, mas cutuca uma ferida narcísica: expõe nossa carência, nossa incompletude. Quando amamos, sofremos porque vemos no outro tudo

o que nos falta e queremos. Sofremos porque temos medo de que o outro nos abandone, levando consigo uma parte nossa que nos desabita. Se não amamos, sofremos porque não temos com quem compartilhar o que temos. Se não somos amados, não adianta ter o que compartilhar.

Sergio Almeida parte para o seu segundo trabalho de poesias. Neste livro os poemas não são divididos em versos no sentido tradicional. São labirintos que exigem cuidados especiais em sua passagem, caso contrário, você pode sesentir perdido.

Crônicas do Amor Impossível mostra a corrosão que o amor provoca no outro lado. O que quebra na engrenagem do outro, os escombros pós-explosão e o que restou. Sem sonhos e sem conselhos o livro fala de amor. Preso no labirinto desse sentimento tenta uma fuga, pois, ao mesmo tempo em que há uma desconstrução, surge uma possibilidade do novo, da superação. E é justamente nesta superação que o autor tenta fazer o seu voo. No entanto, como no voo de Ícaro, é também uma experiência dolorosa. Convido-o a fazer a travessia neste deserto cheio de tesouros. Entretanto, tenha cuidado para não se deixar atingir  pelo brilho do Sol que pode destruir qualquer chance de voo.

Reescrevendo Sonhos – Márcia Dantas

0

Biografia: Nasceu e reside na cidade de São Paulo. Formada em 2012 em História – Licenciatura Plena pela UNIFAI, atua como professora da disciplina da rede de escolas estaduais.

Afeita a músicas e nerdices em geral, não resiste a um bom livro e uma trilha sonora inspiradora – rock, de preferência. Também é apaixonada por muitas e muitas séries.

Tem na escrita sua paixão desde os mais tenros dias. No entanto, se considera praticante desde 2008, quando conheceu e mergulhou no mundo das fanfics que muito ensinaram sobre essa arte. Reescrevendo Sonhos é seu primeiro romance e também participou da antologia “Só Sei que te Amo” (do projeto Novos Autores) com o conto “Sobre os pedacinhos que formam a inspiração”.


Sinopse: Luciana sempre soube da capacidade de sua mente de criar boas histórias para os seus livros, mas jamais poderia imaginar que também poderiam surgir sonhos tão fora do comum.
A escritora, que encontrou a prisão de uma crise criativa depois de uma tragédia vivida, viu nos sonhos com o rosto de uma mulher desconhecida o impulso que precisava para começar um novo livro. No entanto, a ausência de respostas para a origem da misteriosa alucinação acabou não permitindo que a história encontrasse um desfecho adequado.
O que ela não poderia esperar era que a ajuda viria de Bárbara, uma pessoa enviada especialmente pela editora, cuja semelhança assustadora com a pessoa de seus sonhos fez com que as perguntas sobre os mistérios de sua mente ficassem ainda mais complexas e intrigantes.
Reescrevendo Sonhos é uma história sobre barreiras que são impostas por nós mesmos. E como a mente, um lugar realmente misterioso, pode revelar mais respostas que podemos imaginar.

Drogas: o árduo caminho da volta – Darléa Zacharias

0

Biografia: A vida me deu uma oportunidade de mudar o meu destino. Destino esse que no passado, tracei a cada insanidade, e me agarrei de unhas e dentes àquela chance.
Hoje, vou seguindo o fluxo, e já não busco perfeição, mas entendo que preciso cada vez mais de adequação à esta nova maneira de viver.
As coisas são complexas, o meu coração é volúvel, eu sou vulnerável e frágil, e os meus pensamentos, se divergem e contradizem o tempo inteiro, mas me mantenho ereta, firme em meus propósitos, desfrutando das escolhas que faço a cada passo que dou…
Eu tinha tudo para dar errado, mas, nem para louca servi; porque, os loucos são débeis, desconectados, não enxergam a realidade dos seus erros, porém, eu errava e enxergava, e como isso me doía…
Tive que aprender a conviver com a minha estranha e relapsa lucidez…
Sei que o caminho é longo, e não me vejo como um sucesso, mas sim, como uma vitoriosa…
Olho pra trás e vejo o quanto caminhei até aqui…
Não cheguei ao final do meu destino, ainda tenho muito que aprender, porque, a estrada do autoconhecimento não tem fim…
Simplesmente, a vida roda, enquanto eu, mantenho-me na rota… Continuo caminhando, calejando os meus pés e me buscando…
Por: Darléa Zacharias
www.darleazacharias.com.br


Sinopse:  Neste livro você conhecerá minha experiência com a dependência das drogas, desde a infância até a recuperação. Relato como saí do inferno da obsessão e compulsão para uma vida digna e feliz. Quero provar que é possível parar de usar, perder o desejo e encontrar uma nova maneira de viver.

Descrevo, em detalhes, o que passei no mundo perverso das drogas, como as overdoses, as internações em hospícios, o abandono da minha família, a paralisia facial, a desintegração da personalidade. Também relato, de forma corajosa, como venci obstáculos, superei crises de abstinência e como, de forma emocionante, foi meu processo de luta para salvar minha própria vida e resgatar minha dignidade.

Deixo aqui um convite a você a mergulhar no mundo complicado de um dependente químico e ver como é possível voltar a viver através de um bom trabalho de recuperação e da admissão de que se tem um problema.

O dependente químico não é um desavergonhado. Apenas precisa de ajuda. Necessita encontrar o fio da meada que se perdeu em algum ponto do percurso para restabelecer novo caminho.

Se eu pude, qualquer um pode também!”

Leia mais sobre o livro no Skoob, Site da Autora  e fanpage

Inimigo Oculto – Darléa Zacharias

0

Biografia: A vida me deu uma oportunidade de mudar o meu destino. Destino esse que no passado, tracei a cada insanidade, e me agarrei de unhas e dentes àquela chance.
Hoje, vou seguindo o fluxo, e já não busco perfeição, mas entendo que preciso cada vez mais de adequação à esta nova maneira de viver.
As coisas são complexas, o meu coração é volúvel, eu sou vulnerável e frágil, e os meus pensamentos, se divergem e contradizem o tempo inteiro, mas me mantenho ereta, firme em meus propósitos, desfrutando das escolhas que faço a cada passo que dou…
Eu tinha tudo para dar errado, mas, nem para louca servi; porque, os loucos são débeis, desconectados, não enxergam a realidade dos seus erros, porém, eu errava e enxergava, e como isso me doía…
Tive que aprender a conviver com a minha estranha e relapsa lucidez…
Sei que o caminho é longo, e não me vejo como um sucesso, mas sim, como uma vitoriosa…
Olho pra trás e vejo o quanto caminhei até aqui…
Não cheguei ao final do meu destino, ainda tenho muito que aprender, porque, a estrada do autoconhecimento não tem fim…
Simplesmente, a vida roda, enquanto eu, mantenho-me na rota… Continuo caminhando, calejando os meus pés e me buscando…
Por: Darléa Zacharias
www.darleazacharias.com.br


Sinopse: Enquanto seu primeiro livro focou na realidade cruel por qual passou, em seu segundo livro ela conta como é viver um dia de cada vez como adicta. A autora se despe e se mostra sem véus, sem maquiagem e sem floreios. Dividindo sua vida com os leitores, a autora busca, em cada capítulo mostrar que nada é impossível.

Darléa Zacharias, ao ter a coragem de abrir sua vida, instiga um leque de sentimentos em cada leitor. Em suas palavras, podemos ver nossos reflexos, em seus medos, vemos os nossos medos, em suas falhas, vemos nossas falhas, em sua superação vemos que nós também podemos mudar e lutar contra nossos monstros. Nada é impossível para aquele que quer uma nova vida, um novo tempo, um novo começo.

Challenger – Arthur Carvalho

1

Biografia – Sou carioca, mas tenho família em Minas Gerais, ficando dividido entre os dois estados a maior parte do tempo. Sou praticante de Downhill e, no ano passado, resolvi arriscar como escritor, passando para o papel parte de uma história que aconteceu há algum tempo. Nunca me vi escritor, até  que, de repente, CHALLENGER estava escrito e apenas esperando a impressão. O dia que peguei o primeiro exemplar nas mãos, creio que foi a mesma sensação de um pai segurando seu filho. Indescritível e até meio bobo – coisa que estou até agora, meses depois do lançamento


Sinopse: Challenger – Fernanda é uma professora de trinta e poucos anos. Estava passando por problemas financeiros quando recebeu uma proposta um tanto  ousada do colégio onde trabalha. Ela não teve como recusar. Nessa proposta, Victor, seu aluno, era o foco.

Passando pela conhecida crise da adolescência, o piloto de downhill de dezoito anos está desencantado da vida. E nem desconfia do que estará para acontecer a partir do momento que os planos do destino forem colocados em prática.

CHALLENGER – romance erótico -, conta a história do relacionamento envolvendo a professora e o aluno. O jogo de sedução, o fato de terem de manter o segredo sobre a relação, a diferença de idade e experiência,
são situações que culminam em cenas de sexo intensas e explícitas, sem dosar palavras.

Para mais informações sobre Challenger acesse: Site, Facebook, Fanpage, Skoob, Twitter e Instagram

Amores da Casa Velha – Ananita Rebouçãs

0

Biografia: Ana Paula Rebouças Ferreira, também conhecida como Ananita Rebouças, tem 41 anos, nascida sob o signo de Leão é natural do Rio de Janeiro e atualmente é funcionária pública. Analista judiciária do TJ/RJ, formada em Letras e pós-graduada em Leitura e Produção de Textos pela UFF.

Participou das Antologias “O perfume da Palavra III e IV” e “Um brinde à poesia – 15 anos”. Participa de diversos Saraus na cidade de Niteroi – RJ a escritora já ganhou prêmio literário  com o poema “O Sangue” publicado na revista Musaios.

Acesse o blog Escritos e Rabiscos e conheça um pouco mais Ananita Rebouças


Sinopse: Amores da Casa Velha são amores antigos, mas não idosos. São amores de um ontem recente; alguns já finados, outros bem vivos.

Neste primeiro livro individual, permito-me mostrar os sentimentos do querer gostar, nem sempre possível.

Tudo tem um porquê e o gostar de outrem pode ser doce ou amargo.

Lendo as páginas deste livro, o leitor irá identificar-se, pois o querer estar junto é inerente ao ser humano.


Release:

Os Escritos e Rabiscos do blog de Ana Paula Rebouças Ferreira, mais conhecida como a poetisa Ananita Rebouças, criaram asas e saíram da web direto para as páginas do livro Amores da Casa Velha.

Um poeta descreve dores e amores, experiências e sonhos, sabores e dissabores de uma vida pautada por sentimentos, muitos, diversos e profundos! Esta palheta de sentimentos dentro de uma mulher tão pequenina resultaram em escritos fortes, marcantes, vibrantes…

Cobrindo o espaço de poesias espelhadas, se esparramando, crescendo e arrebatando a todos que sua escrita toca, Ananita Rebouças lança seu livro Amores da Casa Velha, sob o selo da Litteris Editora.

Além de se despir completamente, apresentando sentimentos desnudos, em cada página, a poetisa, questionadora e reflexiva, libera seu lado oculto, nos recantos de seu fazer poético.

Os versos de Ananita envolveram os leitores do Rio de Janeiro desde o primeiro lançamento. Assim sendo, a escritora se vê às voltas com mais um evento para apresentar sua obra. Desta vez será no dia 25 de abril, ao meio-dia, durante o Grande Circuito de Cultura, no Restaurante Bela Vista, Rua Governador Agamenon Magalhães, 323, Boa Vista – São Gonçalo. O evento é organizado pelas instituições: Movimento Identidade Cultural, Febacla, Anba e pelo Restaurante Bela Vista.

ENTRADA FRANCA

*Quem puder levar 1 quilo de alimento não perecível que serão doados para Instituições Sociais de São Gonçalo.

 Mais informações:

Roberta de Souza – Assessoria de Imprensa (21) 99391-8644

Ou se preferir acesse a Fanpage do livro

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.