As Estações do Nosso Amor – Aline Bassoli

0
621

A autora Aline Bassoli, em seu livro de estreia “As Estações de nosso Amor” nos traz o romance entre Nanda, estudante de intercâmbio e Josh, astro hollywoodiano. Unidos pelo acaso em Paris, o relacionamento floresce não no ritmo cronológico das estações do ano, mas no compasso do coração do casal.

“Nem todas as pessoas são seguras e decididas

(…) “as vezes é muito complicado assumir

 uma coisa para si mesmo,

que  dirá para outra pessoa”.

(Aline Bassoli,

in: As Estações do Nosso Amor, 2016)

“As Estações de nosso Amor” (2016 / 386 páginas) é narrado predominantemente por Nanda Gouveia, provavelmente a única protagonista do gênero romance erótico que não me enervou durante a leitura.  Isso se deve a personalidade da jovem mulher: independente, vai atrás do que quer, sem depender de um homem para nortear suas escolhas. Tem uma vida completa por si só, com planos traçados e disponível a conhecer lugares e pessoas. É essa maneira livre e leve de levar a vida, sem tornar as pequenas coisas em um grande drama, que também faz Nanda estar aberta a entregar verdadeiramente seu coração.

Quem está disposto a conquistas o amor da brasileira, sem nem ao menos ter consciência disso, é o ator britânico Joshua Black. Lutando para encontrar o ponto de equilíbrio entre a exposição trazida pela fama, consequência do sucesso do trabalho que ama, e sua vida particular, o ator, após um incidente em Paris – para não dizer “acidente” – decide acompanhar Nanda no mochilão que a garota fazia sozinha pela Europa antes de voltar para o Brasil.

O tour Europeu dos protagonistas me deu uma vontade enorme de usar o livro como meu próximo guia turístico e conhecer todas as paisagens, jardins, monumentos e pousadas que a autora lindamente descreve para narrar a amizade dos personagens se transformar em um tórrido romance. “Caliente” é a única palavra possível para descrever cada reencontro do casal nesses diversos cenários – nunca mais verei meus singelos feriados em Ubatuba de mesmo modo… uauuu…

Ao final de cada uma das quatro estações – Verão, Outono, Inverno, Primavera – narradas por Nanda, um capítulo é dedicado à perspectiva de Josh sobre os acontecimentos, para benefício daqueles que, como eu, amam pontos de vista alternativos. Nesse momento o leitor já está tão apaixonado pelo ator britânico quanto Nanda. Acreditem meninas, esqueçam Cristian Grey! Certamente vocês trocaram suas fantasias pelo encantador, romântico, atencioso e sexy Joshua Black.

Contudo, a distância física imposta pela separação geográfica cobra seu preço. Será que o casal superará esse obstáculo, somando a dificuldade em lidar com estilos tão diferentes de vida e a interferência da mídia e fãs ensandecidos?  São essas respostas que a autora Aline Bassoli responde ao criar esse Notting Hill (Um Lugar Chamado Notting Hill, 1990, com Julia Roberts e Hugh Grant) às avessas, com enredo verossímil, personagens bem construídos, escrita gostosa e envolvente.

Vale ressaltar que os personagens secundários como os amigos e familiares também são muito bem desenvolvidos pela escritora, afinal o resto do mundo não desaparece quando nos apaixonamos. Admito que fiquei curiosa em saber mais sobre James, o irmão interessantíssimo de Josh. Será que um dia teremos um spin-off com ele? Fica a súplica para a autora aqui.

signature

signature

Resenha do livro As Estações do Nosso Amor (2016) , Aline Bassoli, Clube de Autores, 386 p. Originalmente publicado no blog Gatita & Cia.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here