Além do Véu da Morte – Thiago Lucarini

0
577

Abel Odone perde a esposa Christina e a filha Lea de apenas dois anos em um trágico acidente de carro; a dor assola-o por três meses; sem uma visão de futuro e de recomeço, Abel acaba por tirar a própria vida na tentativa de findar com o sofrimento. O que ele não contava era que após funesto ato acordaria em seu velório preso ao seu corpo carnal tomando consciência de tudo o que seu suicídio causou, à aqueles que amava.

Ainda em seu velório Abel vê aos pés do seu caixão uma misteriosa entidade. Esta aparição desconhecida revela ser a própria morte. Depois de um breve momento de conversa; Abel entra num acordo com a Morte. Selado o pacto a Morte levara-o por uma viagem através do tempo e espaço, numa jornada que carregara Abel por algumas das grandes tragédias da humanidade como: A Queda do World Trade Center, O Holocausto, A Detonação da Bomba de Hiroshima, A Guerra do Vietnã, O Sismo de Lisboa, O Grande Incêndio de Londres, Césio 137 em Goiânia, O Tsunami no Japão, A Fome na Somália, entre outros.

Entretanto de acordo com que a viagem avança coisas estranhas começam a acontecer. Abel se vê dentro de uma verdade muito maior do que ele poderia imaginar, para piorar, suas lembranças da vida humana começam a desaparecer enchendo-o de terror. Contraditoriamente enquanto as suas memórias são apagadas lentamente, Abel começa a descobrir mais e mais coisas sobre o seu passado e sua relação com a entidade-morte, ela será uma condutora de almas ou um anjo da guarda? Abel não saberá diferenciar. Tudo ao redor de Abel começa a desmoronar incluindo ele mesmo. Lições de vida e morte serão reaprendidas em meio a dor humana.

Abel na companhia da adorável entidade enigmática descobrirá que existem muito mais coisas entre vida e morte do que sua vã filosofia poderia supor, enquanto vivo. O final da viagem culminará no julgamento de Abel pelas Senhoras do Carma que analisaram suas atitudes durante a sua epopeia pós-morte e, decidirão seu destino: ser absolvido do seu pecado final ou passar toda a eternidade condenado ao seu corpo carnal até a última célula deixar de existir acorrentado a uma única lembrança: ter cometido suicídio.

 Adquira este livro 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here