A Vida Sexual da Mulher Feia – Claudia Tajes

0
1390

No início da semana, optei por coisas “leves”, que não exigissem muito do meu já fraco esforço mental. Fui ver o “Diário de Tati” e comecei a ler “A Vida Sexual da Mulher Feia”, da Claudia Tajes. O título do livro havia me chamado atenção há algum tempo e decidi conferir.

O livro é engraçado, e não deixa de mostrar a realidade deste mundo estereotipado. Contado em primeira pessoa, a obra relata as aventuras e desventuras, ilusões e desilusões, paixões e utopias de Ju, uma garota de uma pequena cidade do sul do Brasil. Ela sofre, desde cedo, por não possuir os atributos que geralmente são definidos como características de uma mulher considerada bonita. Ela mergulha na sua vida profissional, que não é lá essas coisas, mas que acaba servindo como indicativo que que ela existe, e que tem uma c erta importância.

Há uma coisa interessante que, ao longo do livro, é observado pela narradora-personagem: não é só a mulher feia que sofre; os dilemas, angústias e frustrações de caráter principalmente sentimental são comuns às mulheres, sejam elas feias ou bonitas: “Eu era uma mulher feia, com todas as inseguranças e a solidão que a minha condição trazia. E, antes disso, eu era uma mulher, com todas as inseguranças e solidão que essa condição trazia. Já tinha visto muitas garotas bonitas sofrendo na mão dos seus namorados, sem abandoná-los, possivelmente por medo de não conseguirem companhia para o próximo sábado” (pg. 68).

Fica a dica. Só não sei se terá alguém aqui com limitações semelhantes à minha para querer ler.

Resenha de Renato Neres

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here