A vida e suas Decepções

A vida e suas Decepções

6 450

useful content A vida e suas decepções

follow url  

click here for more info Quem nunca passou por uma decepção em sua vida? Acredito que seja quase impossível achar alguém que não tenha enfrentado uma. É quase um fato da vida.

you can look here Desde cedo somos apresentados ao que aprendemos ser uma lição que levaremos para o resto de nossas atividades mundanas. Quando criança nunca ganhamos aqueles brinquedos que realmente queríamos (ao menos aconteceu comigo), o que me forçou a quando trabalhando comprar com meu próprio dinheiro.

http://www.satamanrontgen.fi/?difiram=60sekunden-trading&fe4=aa Na escola então, é onde temos uma carga muito grande de decepções. Nos esportes escolares (tem gente que realmente não nasceu para esportes, o que, felizmente não foi o meu caso), nas notas, esse a maioria conhece bem e nos primeiros namoros.

continue reading this Minha primeira decepção amorosa aconteceu realmente na escola. Era muito tímido e por isso perdi muitas chances de ter uma namoradinha. Ainda bem que isso não fez eu desistir.

speed dating haarlem Quando se cresce essas decepções também crescem exponencialmente. É incrível como tudo aumenta de tamanho quando atingimos a idade adulta. Talvez porque o mundo agora se torne maior do que quando somos crianças. O primeiro vestibular, o primeiro concurso e muitas outras formas de se quebrar cara.

trading opzioni binarie cos/\\\'ÃÂÃÃ%9 Também é preciso entender que isso acontece para nos fortalecer, para que no futuro o aprendizado de ser vítima de uma decepção nos leve a crer que uma forma diferente de abordar algo pode ser mais benéfico. Não lembro de alguém ter morrido por causa de uma decepção. Mesmo que tenha sido do tamanho de um King Kong.

m92 stock options Ainda assim, acredito que a pior decepção é quando deixamos de fazer alguma coisa para nossos filhos. Não existe nada pior que ver a carinha de minha filha triste por algo que não pude fazer por ela. Mesmo explicando o motivo de não ter feito, não ter conseguido, é triste e me derrota por dentro. Ela vai aprender, como eu aprendi que quando acontece isso é porque provavelmente não era para acontecer, não naquele momento, e será mais aproveitado quando, de fato, ocorrer.

cs go matchmaking servers bad Vivemos com e por causa de decepções. Elas nos orientam, nos fortalecem e nos ensinam por toda a nossa vida. Quebrar a cara, ter a porta fechada e levar um pé na bunda é trivial quando aprendemos a superar e continuar caminhando. É como diz uma certa música: “levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”.

buy Priligy 130 mg in Midland Texas Antonio Henrique Fernandes

source site Colunista

Artigos similares

6 Comentários

  1. next Parabéns, Antônio Fernandes, excelente texto.

    binary option forum Realmente não é possível pela vida sem ter perdas, não se pode ter tudo, não se pode ser todos. Mas são as escolhas que fazemos e até mesmo as perdas que sofremos que nos fazem construir o caráter e ter a opção de fazer melhor a cada dia, alcançar o sentimento de conquistar algo que nos era importante e que, em algum momento, acreditamos estar além das nossas possibilidades.
    Eu sempre digo que a vida não é justa, porque justiça é um conceito vinculado à moral humana e a vida não é uma criação humana, mas é a coisa mais perfeita que já conheci, em todos os seus nuances.

    This Site Abraços,

    http://winevault.ca/?perex=esercizi-operazioni-binarie Danny Marks

  2. Gostei e acho que as decepções fazem parte da vida de todos. O importante é saber se recuperar e utilizar essa decpção como um aprendizado, afinal, se tudo fosse perfeito não poderíamos amadurecer e aprender. Já ouvi em algum lugar que só se sabe o que é bom quando se conhece o ruim e as decepções se encaixam bem nessa frase.
    Parabéns pelo texto.

  3. ual! Ual! Ual!
    Ótimo texto!
    Decepções geralmente geram cicatrizes, mas existe o lado bom disso: aprendizado, amadurecimento, e no fim a grande volta por cima!

Deixe um comentário