A Língua do Pulsar – Leonardo Lopes da Silva

0
593

Biografia: “Leonardo Lopes da Silva nasceu no Rio de Janeiro, Brasil, em 25 de abril de 1981. Foi criado numa família trabalhadora, amorosa e unida, de origem batista, no subúrbio carioca de Campo Grande, onde viveu até os seus 28 anos. Desde muito criança foi encorajado por seus pais a ler e a interagir com as letras, encontrando grandes paixões em mitologias, literaturas clássicas brasileira, portuguesa, inglesa, americana, francesa, espanhola, italiana e russa, além de crescer ouvindo musica pop rock brasileiras e estrangeiras dos anos 80 e 90, operas, e composições clássicas. O impulso de conhecer o mundo, oriundo de todo o estimulo tido em casa, o levou a viajar a Inglaterra pela primeira vez aos 16 anos como aprendiz de assistente social através de sua igreja, e o repetiu mais uma vez em 2005, dessa vez já como professor de língua inglesa em busca de maior qualificação . É formado em Letras – Língua Portuguesa e Inglesa e desde os 16 anos atua como tradutor e interprete de língua inglesa e portuguesa, e desde os 19 como professor de idiomas. O contato com as línguas inglesa, espanhola e russa tiveram um grande impacto na sua vida pessoal e profissional. É casado com Olga Lopes da Silva, sua ‘russa com coração latino’ e morou em Moscou (Moscovo) junto com sua esposa e gato Willy até 2016, quando mudou-se para Lisboa, Portugal. Suas aventuras e peripécias na Europa estão cronicalizadas em sua página de Facebook, e alguns de  seus poemas  em blogs próprios, e da  JEdLP – Jovens Escritores de Língua Portuguesa.


Sinopse do livro: “A língua do pulsar” é uma coletânea de poemas escritos por Leonardo Lopes da Silva desde os seus 16 anos até os seus 34 anos, em 2015. São 143 (19 dos quais na língua inglesa) poemas liricos organizados em 13 capítulos temáticos, que abordam assuntos como o amor platônico, o apaixonar-se, o crescimento e amadurecimento existencial, a perda do ser amado, os prazeres e as dores da vida moderna, e a necessidade de transcendência do ser diante das mesquinhezas do dia a dia. Cada capítulo também oferece um vislumbre de um estilo e lirismo próprios, delineando flertes com diferentes escolas literárias como o Romantismo, Simbolismo, Modernismo, Concretismo, e Surrealismo, e homenagens a grandes ícones da literatura brasileira, inglesa e americana, como Cruz e Souza, Augusto dos Anjos, Olavo Bilac, DH Lawrence, Walt Whitman e Wilfred Owen. O livro foi saudado pelo vice-presidente da Academia Brasileira, Leandro Garcia Rodrigues, como algo que merece ser encontrado e comido, provado e possuído, e elogiado por escritores e leitores no Brasil e Portugal pela sua intensidade e qualidade literária.

O livro encontra-se a venda na Livraria da Travessa no Brasil em he também pela editora Chiado no Brasil e em Portugal .

Páginas do livro no facebook – , no Instagram @alinguadopulsar , e no Twitter – @TristanPulsar, blog do autor 

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here