A história da minha vida – Arthur da Veiga

0
862

Plantar uma árvore, ter um filho e… escrever um livro. Dizem que essas são três coisas importantes para se fazer na vida.

   Se você ainda não escreveu um, que tal aceitar o desafio e começar a fazer isso agora? E por que não a sua própria história? Reflita um pouco: quantos fatos interessantes você viveu e está vivendo? Quantos amigos maravilhosos valeriam um registro numa página? Quantas recordações sobre seus familiares – ascendentes e descendentes – não merecem um registro histórico? E tantos outros acontecimentos marcantes.

   Para ajudar você nessa grande obra é que existe esta outra obra aqui. Através de pequenos exemplos você é convidado a parar, pensar e escrever. Um livro para guardar e/ou compartilhar. Mas, acima de tudo, para ser um marco nessa importante vida que é a sua.

 

A História da Minha Vida é um livro interativo para adultos. Mas, não é um livro de desenhar ou pintar. É um livro de… escrever! Sim, é um livro em branco, onde podemos escrever a “nossa” história. Afinal, todos temos uma história.

Uma obra que, através das orientações e incentivo de Arthur da Veiga, nos inspira e convida a escrever a nossa própria história de vida.

O livro é dividido em cinquenta e dois capítulos. Cada capítulo, contém um exemplo que nos leva a parar para refletir e um espaço para escrever as nossas anotações , onde podemos fazer os nossos registros, quer seja em forma de memórias, desejos, sonhos ou planos.

É a oportunidade de criarmos a nossa autobiografia, de compartilharmos a nossa vida.

A História da Minha Vida é um livro que estou amando e construindo aos poucos, pois não é muito simples e nada fácil falar de si mesmo. Mas, o importante, é que eu posso escolher o que vou escrever, uma vez que não é uma história “inventada”, é um relato verdadeiro, pontuado de lembranças, de um colorido emocional, que não é mostrado em outros tipos de textos.

Ao contar a minha história, recordo de todos os momentos do meu percurso de vida. E isso é maravilhoso! Sinto que tem sido gratificante transferir para o papel esses momentos.

A História da Minha Vida tem transformado os meus dias.

Pois, como já dizia Mario Quintana: “Não faças da tua vida um rascunho. Poderás não ter tempo de passá-la a limpo”.

Resenha de Fabiana Strehlow Resenhista do Arca Literária e do blog Expressões

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here