A Bela e a Fera: Perdida em um Livro – Jennifer Donnelly

0
579

Mais uma vez estou aqui para falar sobre um livro, cuja história é desenvolvida dentro do universo da famosa história de A bela e a Fera. Apesar de trazer vários elementos da história que serviu de pano de fundo para a sua criação, Perdida em um livro é uma história independente e que traz mensagens muito interessantes.

Nessa nova aventura, Bela segue sua vida no castelo da Fera e apesar do carinho que desenvolveu por todos que moram no castelo, a jovem não consegue parar de pensar em seu querido pai. A saudade, o desejo de saber se o pai está bem, como tem vivido e a tristeza por estar longe, sempre pairam na mente e no coração de Bela e mesmo em momentos de descontração com os novos amigos a jovem se depara com momentos de tristeza e dor.

Bela e Fera estão mais próximos e apesar de estar prisioneira em seu castelo, a jovem não consegue sentir raiva por tudo que aconteceu em sua vida, tristeza e um certo rancor se misturam a alguns outros sentimentos que a jovem nem mesmo consegue compreender, ela apenas sabe que cada vez mais, aquela fera e seus estranhos criados passam a ter um significado maior em sua vida e ocupam um espaço muito importante em seu coração.

E em meio a momentos de melancolia e alegria, a Fera passa a ter momentos de gentileza e bondade com Bela, momentos curtos que se misturam com comportamentos rudes, que não ajudam em nada na sua aproximação com a jovem.

Mas é em um dos momentos de gentileza que a Fera presenteia Bela com o maior e melhor presente que poderia lhe dar. Fera presenteia Bela com a biblioteca do castelo, e esse passa a ser o cômodo preferido da jovem, onde a mesma passa a maior parte do dia e é em um desses dias que Bela encontra um livro encantado, livro esse que mudaria completamente a vida da jovem.

Essa foi uma leitura muito interessante, trata-se de um livro muito bonito, um livro curto que pode ser lido em poucos dias, até porque a história se desenvolve tranquilamente, sem rodeios, não nos cansa e atiça a curiosidade do leitor para descobrir o final. Acho muito legal a capacidade de criar histórias dentro de uma história famosa, mundialmente conhecida e não deixar a desejar. A autora conseguiu costurar a história e encaixá-la de forma muito tranquila à história que já conhecemos, trazendo elementos novos, novos personagens e novas lições.

Somos apresentados a personagens novos, alguns muito inteligentes e com disposição para fazer o bem, enquanto outros, apesar da inteligência, é na maldade que resolve empregar toda a sua sagacidade. Bela se vê envolvida por personagens encantadores, pela possibilidade realizar os seus sonhos e pela possibilidade de ser livre. Os novos amigos que bela conhece em um mundo chamado Nunca Mais, fazem da vida Bela algo perfeito, mas será que a perfeição existe?

Sou suspeita em falar, pois gosto muito da história da Bela e a Fera, mas gostei muito dessa leitura e das mensagens embutidas nela. O livro fala sobre a vulnerabilidade das pessoas e sobre a tendência em fechar os olhos e enxergar apenas o que lhe interessa. Sobre como as pessoas desejam ser cercados de mimos e ter todas as suas vontades e desejos realizados e muitas vezes sem se questionar sobre a veracidade da situação, pelo simples fato de estar conseguindo tudo o que deseja.

A história fala sobre o quão vulneráveis algumas pessoas podem ser em relação ao belo, focando nas aparências e esquecendo-se de que o amor verdadeiro é o sentimento mais bonito do mundo, mas que ele não é formado pela perfeição e sim pela possibilidade de amar o imperfeito. Que a amizade verdadeira não é aquela que diz tudo que o outro quer ouvir e sim aquela que mesmo com todos os problemas, consegue fazer o outro rir, mas que também está presente para enxugar as lágrimas quando necessário.

Indico esse livro para todos que gostam de uma boa história, de personagens corajosos e de enxergar a vida como ela realmente é. Pois é essa a mensagem passada pela autora, de que a vida pode não ser perfeita, mas sempre existirá um motivo para lutar e que a vitória é certa quando enxergamos com os olhos e com o coração, não nos deixando enganar pelas aparências e por falsas promessas.

Até breve,

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here